Roupas

Página 7 de 50 - Cerca de 500 ensaios
  • Curva de Possibilidade de Produç

    1) Comente a seguinte afirmação radical: não existe “um” homem da economia, o que existe é “um” homem como um todo, indivisível. O homem na economia deve ser estudado de maneira holística (homem como indivisível, não podendo ser entendido mediante uma análise separada de suas partes), uma vez que é a partir das interações sociais, da troca de bens ou serviços, que é possível o estudo e a percepção dos problemas, bem como a aplicação de possíveis soluções econômicas, ou seja, é através da interação

    Palavras: 3915 - Páginas: 16
  • MODA DOS ANOS 80

    3- Referencial teórico 3.1 Moda yuppie e punk Com a geração das “tribos” iniciada nos anos 60, muitos grupos diferenciavam-se entre si no que se  dizem respeito às opiniões, estilos de vida, roupas e, por que não, cabelos. Viver a própria tendência, esse era o lema dos anos 80. De um lado, os punks e do outro, os yuppies. Os yuppies - Jovens ambiciosos e de aparência impecável buscavam cargos executivos e diversão de luxo. Faziam questão de

    Palavras: 1897 - Páginas: 8
  • Yohji Yamamoto

    estéticas, e as vivências são levadas para as suas criações, acrescentando vida e beleza às suas peças. Yamamoto trouxe uma proposta de moda, voltada a um público irreverente, criativo e não às “vítimas da moda”, conforme seu comentário “se a moda é a roupa, ela não é indispensável. E se a moda é uma maneira de perceber nosso cotidiano, então ela é muito mais importante”. (YAMAMOTO apud BAUDOT, 2000a, p.12). Insere-se no mundo da moda, juntando seu talento e o neo-minimalismo-japonês (do qual participam

    Palavras: 991 - Páginas: 5
  • História da moda

    Usavam colares de dentes de suas presas ou até mesmo partes de animais que foram abatidos, mostrando assim sua força e coragem para os todos os membros de seu grupo. Então poderíamos concluir que proteção não fora à única razão para o surgimento das roupas como conhecemos hoje, talvez a necessidade de cobrir os corpos tenha sido essencial em seu primeiro momento, mas com certeza não foi a única. A necessidade de cobrir nossos corpos em teor de pudor, tal como conhecemos hoje, não parece fazer muito

    Palavras: 6996 - Páginas: 28
  • A história da moda

    O que é Moda... Foi nos anos 60 que a juventude marcou a sua posição e intervenção na moda. Esta situação foi provocada por alterações económicas, políticas e sociais. Porém, foi a musica a principal libertadora das mentalidades jovens, reprimidas durante muito tempo. Estes foram anos de diversão e de uma constante busca de identidade. A década de 70 ficou marcada pela diversidade de formas e de estilos. Os jovens lutaram pelos seus ideais, tendo surgido neste contexto duas correntes de moda jovem:

    Palavras: 7380 - Páginas: 30
  • IMAGEM E POSICIONAMENTO DA MARCA BERSHKA

    IMAGEM  E  POSICIONAMENTO  DA   MARCA  BERSHKA   PERCEBER  COMO  A  MARCA  BERSHKA  E  OUTRAS  MARCAS  DE  ROUPA   INFLUENCIAM  OS  JOVENS  NOS  DIAS  DE  HOJE   Daniela  Portugal  (1628),  Francisco  Silva  (1633),  Nuno  Sousa   (1694),  João  Valente  (1650),  Tiago  Bartolomeu  (1710)     Professora  Doutora  Valentina  Ribau,  U.C.  Estudos  de  Mercado.     RESUMO:   Este   trabalho   tem   como   objetivo   conhecer   o   comportamento

    Palavras: 6002 - Páginas: 25
  • História da indumentária

    chapéus rústicos, as primeiras formas conhecidas de roupas feitas a partir de fibras. Desde aquela época, povos têm usado fibras vegetais e materiais de origem animal- casca de árvore, algodão, seda, linho, ráfia, lã, pelo, couro, pena- para criar trajes e adereços corporais notáveis. árduas tarefas de caça e guerra. O homem pré-histórico adquiria respeito e veneração através da quantidade de cicatrizes obtidas nas batalhas. As roupas eram feitas de pele de animais, as mulheres faziam

    Palavras: 7651 - Páginas: 31
  • Iniciando TCC de Moda Infantil

    O MERCADO DE MODA INFANTIL Como citou Doris Treptow, em Inventando Moda (2007; p.23), a roupa tem acompanhado o homem desde o início de sua evolução. O homem pré-histórico cobria-se com a pele de animais para enfrentar situações climáticas adversas. Ruth Joffily (1999; p.27) afirma que “Moda é o fenômeno social ou cultural, de caráter mais ou menos coercitivo, que consiste na mudança periódica de estilo, e cuja vitalidade provém da necessidade de conquistar ou manter uma determinada posição social”

    Palavras: 3134 - Páginas: 13
  • Gestão de operações hoteleiras: gestão de um hotel resort

    1- Estrutura física de um Hotel Resort ▪ Copa de andar: Fica situado em todos os andares, perto da porta da entrada de cada edifício. Contêm a rouparia, com toda a roupa necessária para os quartos, exposta em prateleiras de fácil acesso para as funcionárias. Contêm todos os produtos de limpeza necessários para os quartos, bem como todo o equipamento necessário para essa tarefa. Os carros de serviços também

    Palavras: 11588 - Páginas: 47
  • influencia da moda na sociedade

    que todos se preocupam com a moda, porem muita gente faz de tudo pra ter determinada roupa, até mesmo se endividam para poder comprá-la.  Além disso, o estilo da roupa influencia também na forma como as pessoas te veem. Se você usa roupas simples é tachado como esculachado, se usa roupas caras é um playboy, se usa preto é gótico ou roqueiro, se usa muito rosa é patricinha, e assim por diante. A escolha de uma roupa traz consigo inúmeros significados psicológicos, sociais e culturais, de forma que

    Palavras: 967 - Páginas: 4
Página 1 4 5 6 7 8 9 10 11 50