A Evolução Das Máquinas Operatrizes

1552 palavras 7 páginas
SENAI - FIEMG
APRENDIZAGEM INDUSTRIAL
AJUSTAGEM MECÂNICA

TECNOLOGIA DE AJUSTAGEM:
A Evolução Das Máquinas Operatrizes
Agosto de 2013

Introdução
Foi a partir da própria fragilidade, que o homem passou a buscar formas de vencer os inimigos que ameaçavam sua sobrevivência. O fato de andar somente sobre duas pernas, o que liberou as mãos para outras tarefas; o cérebro, os olhos e as mãos trabalhando em conjunto; a posição livre do polegar, tudo contribuiu para a fabricação dos instrumentos que aumentassem a força de seus braços: as armas e as ferramentas.
Durante milhares de anos a ferramenta foi o prolongamento da mão do homem que, usando pedra como o principal material, desenvolveu e fabricou facas, serras, plainas, buris, raspadores, martelos, agulhas, lanças, arpões e outras ferramentas.
Para tornar sua produção cada vez maior, o homem começou a criar instrumentos capazes de repetir mecanicamente os movimentos que ele idealizou para obter as formas que queria. Surgiam, assim, os protótipos das máquinas-ferramentas.
Neste trabalho, vamos mostrar como surgiram todas as máquinas que hoje em dia são largamente utilizadas pelo homem.
Veremos que, embora os materiais sejam diferentes, o princípio de tudo está naquelas máquinas e ferramentas rudimentares que o homem começou a construir, assim que percebeu que tinha que vencer toda a hostilidade da natureza que estava à sua volta.

Só Desvantagens (Era Isso o Que a Vida Oferecia Aos Nossos

Relacionados

  • Evolução das impressoras
    2384 palavras | 10 páginas
  • Evolução das impressoras
    1317 palavras | 6 páginas
  • Historia da maquina a vapor
    1465 palavras | 6 páginas
  • A evolução tecnológica da arte
    1603 palavras | 7 páginas
  • Evolução nas máquinas de estampar
    3988 palavras | 16 páginas
  • Historia da evolução da administração
    1201 palavras | 5 páginas
  • Evolução historica da produção
    1052 palavras | 5 páginas
  • A evoluçao da camera fotografica
    1417 palavras | 6 páginas
  • evoluçao da caneta
    1699 palavras | 7 páginas