A Teoria Do Agendamento Analisado A Partir Das Telenovelas

2468 palavras 10 páginas
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
Disciplina: Teorias da Comunicação– Semestre 2014.1
Aluna: Helen Oliveira – Rádio e TV.
Profa. Ester Marques

A Teoria do Agendamento analisado a partir das Telenovelas.

Atualmente as telenovelas ocupam a maior parcela, ou pelo menos a mais importante, da programação de televisão aberta no Brasil. Misturando fatos e acontecimentos reais com histórias fictícias, este tipo de narrativa torna-se cada vez mais o principal difusor da cultura brasileira e de várias outras expressões da cultura globalizada mundial. Levando-se em conta que grande parte da população brasileira não tem acesso a outros meios de comunicação, de lazer e de cultura, a telenovela passa a ser a principal mediadora entre o mundo e o telespectador, atuando assim também como um canal de informação. No começo as telenovelas eram destinadas apenas às donas-de-casa, mas o longo de seus 45 anos de existência, passou também a ser destinada a todas as faixas etárias, classes sociais e sexo, adotando temáticas específicas para atingir um número cada vez maior de espectadores. Durante todo este período, ocorreram diversos investimentos tecnológicos na área de produção e formação dos atores, sendo hoje a telenovela um dos principais produtos de exportação brasileira.
O pesquisador Artur da Távola considera a narrativa da telenovela como uma “obra aberta”, ou seja, vai sendo construída conforme sua receptividade junto ao público. E por ser uma “obra aberta”,

Relacionados

  • Resenha texto: “Revisão da Teoria dos Sonhos”
    1355 palavras | 6 páginas
  • Teoria da colagem do compensado
    3660 palavras | 15 páginas
  • Teorias da Origem do Estado
    2370 palavras | 10 páginas
  • Teoria geral da administração do subway
    2472 palavras | 10 páginas
  • A teoria dos atos da fala
    864 palavras | 4 páginas
  • Teoria da acumulação e teoria do conglobamento
    1027 palavras | 5 páginas
  • Resenha Breve História do da Teoria e Conservação do Restauro
    2898 palavras | 12 páginas