A abolição dos escravos e o advento da república

977 palavras 4 páginas
INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO, EDUCAÇÃO E CULTURA - IDECC
UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ - UVA
PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA DO BRASIL

DISCIPLINA: INTÉRPRETES DO BRASIL IMPÉRIO
Aluno: Carlos Holanda Oliveira
Professora: Tereza Bandeira

A Abolição dos Escravos e o Advento da República

A historiografia tradicional apresenta a questão servil (escravidão) como causa primordial para a queda da Monarquia e conseqüente implantação da República em nosso país, juntamente com a questão religiosa e a questão militar, com ênfase especial à primeira. Com este artigo, procura-se mostra, como, uma análise mais aprofundada, como à que procedeu a autora Emília Viotti, mostra-nos inúmeras pistas para interpretar com mais lucidez a mudança de
…exibir mais conteúdo…
A Inglaterra sabia da necessidade dessa mão-de-obra escrava em nosso país mas por seu poder e influência exigia uma transformação da economia de forma que houvesse um mercado consumidor para seus produtos e tal só ocorreria com uma massa assalariada livre.
Apesar de tal condicionamento, ao mesmo tempo em que a sociedade brasileira cumpria seu destino de produtor agrícola perseguido por uma aristocracia retrógrada, alguns empreendimentos como a criação de ferrovias, surgimento de barcos a vapor e o surgimento de pequenas industrias propiciaram também o aparecimento de uma ideologia mais progressista, que pouco a pouco alicerçavam as bases para o fortalecimento da concepção republicana.
Em relação ao ideal republicano Viotti (p. 317) lembra que “o ideal republicano não era novo no país. Representava uma velha aspiração. No final do período colonial significou a revolta contra a Metrópole, a negação do estatuto colonial.” Ocorre que a conjuntura dos fatos acabaram por importar também o sistema monárquico da colônia de forma inusitada, enterrando pelo longo período do primeiro reinado, regências e segundo reinado o sonho acalentado por muitos. As nações vizinhas, que adotaram a república como regime, serviam também de inspiração para que com o tempo se construísse a idéia de uma nação republicana

Relacionados

  • Banco de Questões da Monarquia no Brasil
    3722 palavras | 15 páginas
  • O governo de dom pedro ii
    1340 palavras | 6 páginas
  • Questionario sobre cidadania no brasil
    3692 palavras | 15 páginas
  • Resenha crítica do livro “cidadania e direitos do trabalho” de ângela de castro gomes
    2455 palavras | 10 páginas
  • Constituição de 1891
    4670 palavras | 19 páginas
  • Formação social, política e econômica do brasil
    5325 palavras | 22 páginas
  • Resumo período Joanino
    2427 palavras | 10 páginas
  • Resumo uma gota de sangue
    4997 palavras | 20 páginas
  • Processo educativo n contexto histórico- os primeiros educadores
    1932 palavras | 8 páginas