A borracha na economia brasileira na primeira republica

2442 palavras 10 páginas
RESUMO
A Borracha na Economia Brasileira da Primeira República
PRADO, Maria Ligia Coelho. CAPELATO, Maria Helena Rolim. A Borracha na Economia Brasileira da Primeira Republica. In: FAUSTO, Boris (org.). História Geral da Civilização Brasileira. O Brasil Republicano v.8. Estrutura de poder e economia. (1889-1930). 2ªed. São Paulo: Difel, 1977. Pp. 287-307
A região amazônica, desde o inicio da colonização, caracterizou-se pela exportação de produtos primários, distinguindo-se, até a Primeira República, três fases na sua economia. Dos primórdios da colonização à segunda metade do século XVII, todo interesse econômico da região esteve voltado para as especiarias, tendo os esforços concentrado no extrativismo.
A primeira fase da economia amazônica ficou caracterizada com a inserção indígena na mão-de-obra empregada na coleta do cacau, salsa, cravo, canela, castanha, raízes aromáticas, madeira, dentre outros, por iniciativa de missionários que foram para a Amazônia com o objetivo de catequiza-los, porém tiveram maior interesse nas atividades econômicas. Taís produtos eram utilizados na alimentação, condimentação, farmacopeia e construções, encontrando consumo certo no mercado europeu, habituado as especiarias do Oriente. O extrativismo florestal, a extração de peles de animais, a caça e a pesca foram os fundamentos da economia amazonense.
A segunda fase se estendeu de meados do século XVIII a meados do século XIX, ficando caracterizado pelo incentivo à agricultura. A

Relacionados

  • Movimentos sociais na Primeira República
    2135 palavras | 9 páginas
  • Desigualdade, inflação e desemprego na economia brasileira
    2024 palavras | 9 páginas
  • Revoltas populares na primeira republica
    2168 palavras | 9 páginas
  • O processo politico na primeira Republica e Liberalismo
    2847 palavras | 12 páginas
  • A economia brasileira nas últimas três décadas
    3350 palavras | 14 páginas
  • A aviação brasileira na primeira guerra mundial
    5828 palavras | 24 páginas
  • sociedade e economia na primeira republica
    1934 palavras | 8 páginas
  • Monopólio na economia brasileira
    2364 palavras | 10 páginas
  • Globalização na economia brasileira
    1236 palavras | 5 páginas
  • CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA E O MOVIMENTO OPERÁRIO NA PRIMEIRA REPUBLICA
    6589 palavras | 27 páginas