A construção sociológica da raça negra no brasil

11196 palavras 45 páginas
A Construção Sociológica da
Raça no Brasil1
Sérgio Costa

Resumo
Partindo da constatação de que as adscrições raciais no Brasil implicam desigualdades sociais que podem ser reunidas de sorte a definir dois grupos populacionais polares, brancos e não brancos, alguns es tudos raciais adotam o conceito (não biológico) de raça como categoria sociológica e política ampla. Válida e mesmo imprescindível no âmbito do estudo das desigualdades raciais, a categoria raça, quando transformada em instrumento geral de análise e desiderato normativo, leva a uma compreensão incompleta da formação nacional brasileira, a uma visão objetivista das relações sociais e à redução das identidades sociais a sua dimensão político-instrumental.
…exibir mais conteúdo…
Tratado, portanto, numa perspectiva histórica, a crítica conjunta do sociólogo francês Pierre Bourdieu, recentemente fale cido, e do antropólogo Loïc Wacquant (Bourdieu & Wacquant,
1998) à nova geração de pesquisadores estadunidenses e brasileiros dedicados ao estudo das “relações raciais” no Brasil não chega propriamente a constituir uma novidade. O que há de novo na polêmica é que o caso brasileiro é tomado pelos dois intelectuais franceses com o objetivo de demonstração empírica da tese mais am pla que procuram desenvolver, a saber, a constatação da existência de
37

Revista Estudos Afro-Asiáticos
1ª Revisão: 20.05.2002
2ª Revisão: 24.06.2002
Cliente: Beth Cobra – Produção: Textos & Formas

Sérgio Costa

um imperialismo cultural e acadêmico dos americanos no mundo contemporâneo. A intervenção etnocêntrica es tadunidense ganharia, se gundo Bourdieu e Wacquant, particular nitidez nos estudos sobre as desigualdades “etno-raciais” observadas no Brasil. Aqui, através do patrocínio de instituições filantrópicas como a Fundação Ford e a Fundação Rockefeller, bem como por meio do treinamento de cientistas brasileiros e da produção intelectual de pesquisadores norte-americanos, muitos deles afro-descendentes, o

Relacionados

  • fichamento// classes,raças e democracia// Antonio Sergio guimarães
    974 palavras | 4 páginas
  • Consciência negra em sociologia
    1326 palavras | 6 páginas
  • rediscutido a mestiçagem
    1095 palavras | 5 páginas
  • Rediscutindo a mestiçagem no Brasil
    5534 palavras | 23 páginas
  • A sociologia da infância
    2741 palavras | 12 páginas
  • Oficina de relações étnico raciais
    9975 palavras | 40 páginas
  • Fichamento do texto “Uma Abordagem conceitual das noções de raça, racismo, identidade e etnia”,
    6459 palavras | 26 páginas
  • Racial 1 2 E 3
    3586 palavras | 15 páginas
  • Prova Presencial 1
    1952 palavras | 8 páginas