A crise economica de 1929

2264 palavras 10 páginas
INTRODUÇÃO

No início do século XX, os Estados Unidos viviam o seu período de prosperidade e de pleno desenvolvimento, até que a partir de 1925, apesar de toda a euforia, a economia norte-americana começou a passa por sérias dificuldades. Diante da contínua produção, gerada pela euforia norte-americana, e a falta de consumidores, houve uma crise de superprodução. Os agricultores, para armazenar os cereais, pegavam empréstimos, e logo após, perdiam suas terras. As indústrias foram forçadas a diminuir a sua produção e demitir funcionários, agravando mais ainda a crise. A crise naturalmente chegou ao mercado de acções. Os preços dos papéis na Bolsa de Nova York, um dos maiores centros capitalistas da época, despencaram, ocasionando o crash
…exibir mais conteúdo…
Causas da Grande Depressão
Com o fim da Primeira Guerra Mundial, os países europeus encontravam-se devastados, com a economia enfraquecida e com forte retracção de consumo, que abalou a economia mundial. Os Estados Unidos por sua vez, lucraram com a exportação de alimentos e produtos industrializados aos países aliados no período pós-guerra. Como resultado disso, entre 1918 e 1928 a produção norte-americana cresceu de forma estupenda. A prosperidade económica gerou o chamado "american way of life" (modo de vida americano). Havia emprego, os preços caíam, a agricultura produzia muito e o consumo era incentivado pela expansão do crédito e pelo parcelamento do pagamento de mercadorias. Porém, a economia europeia posteriormente se restabeleceu e passou a importar cada vez menos dos Estados Unidos. Com a retracção do consumo na Europa, as indústrias norte-americanas não tinham mais para quem vender. Havia mais mercadorias que consumidores, ou seja, a oferta era maior que a demanda; consequentemente os preços caíram, a produção diminuiu e logo o desemprego aumentou. A queda dos lucros, a retracção geral da produção industrial e a paralisação do comércio resultou na queda das acções da bolsa de valores e mais tarde na quebra da bolsa. Portanto, a crise de 1929 foi uma crise de superprodução.
Durante décadas, essa foi a teoria mais aceita para a causa da Grande

Relacionados

  • Questoes 2 GM
    1044 palavras | 5 páginas
  • CRISE DE 1929
    8280 palavras | 34 páginas
  • a crise economica internacional
    4367 palavras | 18 páginas
  • Os reflexos da Crise de 1929 na economia e na política do Brasil
    1837 palavras | 8 páginas
  • Periodo entre guerras/ Nazifacismo
    3022 palavras | 13 páginas
  • a grande crise
    1838 palavras | 8 páginas
  • Quebra Da Bolsa Em 1929
    2505 palavras | 11 páginas
  • Efeitos da crise de 29 no brasil
    2417 palavras | 10 páginas
  • A atual crise econômica mundial e a economia brasileira
    3513 palavras | 15 páginas