A educação de ontem, hoje e amanhã: qual o papel social da escola

5092 palavras 21 páginas
FACULDADE ARAGUAIA
CURSO DE PEDAGOGIA
EVELINE DOS SANTOS LUZ

1 – A educação de ontem, hoje e amanhã: Qual o papel social da escola O Eixo Temático segundo semestre 2011 contempla as reflexões feitas por Imbernón (2000) em seu livro “A educação no século XXl”, bem como, as vivências dos alunos do curso de Pedagogia, na oportunidade de ir a campo de estudo munidos de referenciais teóricos que contribuem para melhor compreensão acerca da educação que vivenciamos na atualidade. No segundo capítulo de seu livro, Imbernón (2000) apresenta a contribuição de José Gimeno Sacristán, que faz uma reflexão sobre a educação que temos, e a educação que queremos. Já de início, o mesmo afirma que “refletir sobre o presente é impossível
…exibir mais conteúdo…
Em razão disso, Sacristán (2000) identificou e descreveu três níveis de atuação da educação escolar universalizada na formação do cidadão, tais como: * Configurar as subjetividades individuais, por meio do entendimento de se mesmo construído a partir de um princípio sábio; * As relações interpessoais dos indivíduos é um fator de primeira ordem, sendo capaz de produzir um código de atuação da pessoa na vida cotidiana; * Estruturar as relações sociais em geral, por meio da ordem social em relação à atuação política.

O projeto moderno de educação é otimista sobre as possibilidades da natureza humana e também o é do homem e da mulher em relação aos poderes que os fazem “menores de idade”, situando o indivíduo na sociedade no mundo, dependendo do que ele faz e constrói. A educação ligou-se estreitamente à esperança da libertação social daquele que obtivessem os frutos que a educação promete, configurando uma sociedade aberta e móvel, na qual a hierarquia estabelecida em relação ao binômio educação-profissão substitui as hierarquias devidas à origem social (SACRISTÁN, 2000, p. 44).

A partir deste resgate filosófico Sacristán (2000), deduz alguns fatores que podem e devem ser de importância na elaboração do projeto educacional, ressaltando que o mesmo tem que ter fundamentos e basea-se na política educativa, na organização da instituição e das práticas pedagógicas. Visando que jamais podemos nos distanciar dos eixos que estabelecem a validade do projeto

Relacionados

  • Transgressão e mudança na educação
    929 palavras | 4 páginas
  • Apostila-gramatica-e-exercicios
    8074 palavras | 33 páginas
  • Ser educador no século XXI Desafios e Oportunidades
    3127 palavras | 13 páginas
  • A INCLUSÃO DE CRIANÇAS PORTADORAS DE NECESSIDADES ESPECIAIS E OS DESAFIOS DO DOCENTE EM LIDAR COM ISSO.
    4493 palavras | 19 páginas
  • Educação ambiental e as problematizações ambientais: como abordar esses temas na escola
    7020 palavras | 29 páginas
  • Bullying
    7791 palavras | 32 páginas
  • Didática: organização do trabalho pedagogico
    6188 palavras | 25 páginas
  • As novas tecnologias e seus impactos na comunicação
    6306 palavras | 26 páginas
  • Prova para Professor de Educação Física
    3588 palavras | 15 páginas