A evolução tecnológica da arte

1603 palavras 7 páginas
A evolução tecnológica da arte

Em linhas gerais, a atividade artística sofreu e continua sofrendo grandes influências tecnológicas ao longo da história da humanidade. A arte está tão ligada aos avanços tecnológicos quanto qualquer outra área do conhecimento humano. A medida que novas formas de trabalho surgem, a atividade artística sofre uma evolução considerável.

A idade das cavernas

Os desenhistas e pintores do paleolítico não detinham mais que barro, tonalidades diferentes de areia, musgo, ceras de plantas e uma ou outra tintura natural para produzir seus desenhos em cavernas e rochas. Depois, com a idade da pedra lascada (no período Neolítico), junta-se a esse universo de meios de produção a sabedoria de criar pequenas peças, ferramentas de: raspar, cavar e esculpir objetos.
Mais tarde, percebendo a diferenciação entre os materiais naturais: "uns são duros e por isso devem ser usados para furar e raspar os mais moles", as madeiras passam a ser percebidas e usadas segundo suas propriedades de rigidez, flexibilidade, tonalidade e resistência. O mesmo ocorre com o carvão, o barro e as ligas de metal. A partir daí a produção artística passa a ser feita em peças monumentais e também pequenas esculturas que conseguiram chegar aos dias de hoje, para nosso deleite.

A descoberta da Escrita

Com o desenvolvimento da expressão escrita, os artistas passaram a criar com textos. Os desenhos, ilustrações, explicações e doutrinas se tornaram parte do universo de produção

Relacionados

  • A Evolução Tecnológica nos Processos de Usinagem
    981 palavras | 4 páginas
  • Evolução da natação
    1887 palavras | 8 páginas
  • Evolução das pontes
    1654 palavras | 7 páginas
  • Evolução das impressoras
    1317 palavras | 6 páginas
  • A Evolução Das Máquinas Operatrizes
    1552 palavras | 7 páginas
  • Evolução historica da economia
    4338 palavras | 18 páginas
  • Historia da evolução da administração
    1201 palavras | 5 páginas
  • A Evolução Da Linguagem Digital
    1301 palavras | 6 páginas
  • As novas linguagens da arte
    1817 palavras | 8 páginas