A industrialização substitutiva de importações

2165 palavras 9 páginas
ECONOMIA BRASILEIRA

“A Industrialização Substitutiva de Importações”

Ouro Preto, Junho de 2011

INTRODUÇÃO

Considerando-se o crescimento do produto, a melhoria das condições médias de vida e a alteração da estrutura produtiva no sentido de se fornecer bens mais completos e com maior produtividade dos fatores de produção, podemos perceber que o Brasil se constituiu num dos exemplos mais bem-sucedidos de desenvolvimento econômico no período do pós-guerra, pelo menos até a década de 80.
O país apresentou taxas médias de crescimento em torno de 7% a.a., com ampla transformação na base produtiva e nas condições de vida da população, a partir da passagem de uma economia agrário-exportadora para uma economia
…exibir mais conteúdo…
E ainda a queda da rentabilidade do setor cafeeiro faz com que o capital flua para outros setores. Setores domésticos (indústria) aumentam sua importância frente aos exportadores (agricultura).

A REVOLUÇÃO DE 1930
Os anos 30 foram marcados por importantes mudanças de ordem política: A Revolução de 1930. Movimento político-militar que derrubou o presidente Washington Luis e impediu a posse do então presidente eleito Júlio Prestes chegando ao fim a oligarquia Café-com-Leite, e a condução do governo por parte de Getúlio Vargas.

CARACTERÍSTICAS DA INDUSTRIALIZAÇÃO POR SUBSTITUIÇÃO DE IMPORTAÇÕES

Os anos de 30 assim como nos subseqüentes, compõe um período onde houve forte avanço do setor industrial devido a processo conhecido como industrialização por substituição de importações. A principal característica de tal processo é ser uma industrialização fechada, voltada para dentro visando o mercado interno e dependente de medidas que protegem a industria nacional, como: desvalorização cambial; controle e taxas múltiplas de câmbio; e tarifas aduaneiras (impostos sobre produtos importados). Este tipo de industrialização é aplicado em forma de ciclo:
1. O Governo executa um estrangulamento externo;
2. O Governo tenta controlar a crise por meio de medidas que dificultem as importações e acabam por proteger a indústria nacional.
3. Gera-se uma onda de investimentos nos setores

Relacionados

  • Resenha Substituição de Importações - Maria Conceição Tavares
    1434 palavras | 6 páginas
  • Industrialização do brasil
    826 palavras | 4 páginas
  • A crise de 1930 e o avanço da industrialização brasileira
    1921 palavras | 8 páginas
  • O Brasil E A Civiliza O Industrial A Modernidade Vista A Partir Da Periferia
    1043 palavras | 5 páginas
  • Países recentemente industrializados
    2649 palavras | 11 páginas
  • Industrialização brasileira e era vargas
    7594 palavras | 31 páginas
  • RESUMO DO LIVRO A ECONOMIA LATINO AMERICANA CELSO FURTADO CAP 1 AO 13
    14740 palavras | 60 páginas