A moeda e o credito

10238 palavras 41 páginas
I. INTRODUÇÃO

A moeda e o crédito constituem importantes variáveis para a determinação do crescimento económico de qualquer estado.

Os agentes económicos necessitam de moeda para realizarem as suas operações e, por conseguinte, podem recorrer ao crédito para satisfazerem a sua demanda.

O nosso trabalho tem como titulo a moeda e o crédito ele está dividido em três subtítulos tendo estes também os seus subtemas. Na primeira parte procuramos definir a moeda detalhando o seu teor desde os tempos remotos até os dias de hoje; No segundo título do nosso trabalho falamos especificamente do Crédito onde mostramos sobre tudo a vulnerabilidade que se pode assumir ou não face ao crédito e o seu preço fazendo menção a taxa de juro; E na ultima parte nos referimos sobre o processo de criação da moeda onde mostramos as suas varias formas possíveis de cria-la.

1. A MOEDA

1.1 - NOÇÃO DA MOEDA

A moeda faz de tal forma parte da nossa vida quotidiana que muitos de nós nunca se questionaram sobre o que ela é, como evoluiu, quais as funções e valor que desempenha.

Desde tempos muito recuados que o homem utiliza a moeda como um intermediário nas trocas. No século III a.C., os romanos cunhavam moeda, no templo da deusa Juno Moneta, que tinha a função de "monere", ou seja, anunciar os acontecimentos futuros. Daí deriva a palavra moeda, do latim "monere".

Mas a intervenção da moeda é muito anterior aos romanos, existindo

Relacionados

  • Trabalho economia unip 1°semestre moeda
    1759 palavras | 8 páginas
  • Mercado de câmbio
    2769 palavras | 12 páginas
  • Conceito economia
    1392 palavras | 6 páginas
  • Tipos de crédito - pessoa jurídica
    2618 palavras | 11 páginas
  • Origem e evolução do dinheiro
    1036 palavras | 5 páginas
  • POLITICA MONETARIA
    1815 palavras | 8 páginas
  • Contabilidade bancaria
    17902 palavras | 72 páginas
  • ST E SEUS RISCOS E ACIDENTES
    1466 palavras | 6 páginas
  • Estrutura das organizações bancárias
    2246 palavras | 9 páginas