A particularidade historica da pesquisa no serviço social

5325 palavras 22 páginas
A particularidade histórica da pesquisa no Serviço
Social.
A particularidade histórica da pesquisa no Serviço Social
Resumo: O objetivo deste estudo1 é trazer uma reflexão sobre a particularidade histórica da pesquisa no Serviço Social, bem como sobre os desafios decorrentes desse conjunto especial de circunstâncias que se apresentam no contexto contemporâneo. O estudo percorre e se apóia em três pilares, os quais são trabalhados a partir da particularidade da pesquisa para o Serviço Social; da centralidade ocupada pelos sujeitos que participam das referidas pesquisas e do retorno e do alcance social procedentes desses estudos, para transformações materiais nas condições de existência dos envolvidos, nas ações dos profissionais e
…exibir mais conteúdo…
Ainda nesta década, o Serviço Social enfrenta questões sobre as políticas sociais, em especial quanto à consolidação de políticas públicas nas áreas da seguridade social (abarcando o tripé saúde, assistência e previdência social) e do trabalho. Estas, entre outras instâncias das políticas públicas, passam a ser pauta do debate da profissão, gerando produções acadêmicas que dão visibilidade às temáticas, bem como à ação profissional desencadeada nestas áreas.
Tais preocupações contribuíram para que o Serviço
Social enfrentasse, e continue enfrentando junto à sociedade civil organizada, os impasses, desafios e dilemas que a democracia, a cidadania e os direitos sociais colocam à prática social, e neste âmbito em especial, à pratica do profissional do Serviço Social.
A maior parte dos temas de pesquisa dos anos 80, e que prosseguem abordadas nos anos 90, refere-se às políticas públicas na sua interface com o Estado.
Exemplo disto é a temática Seguridade Social, a partir de seu marco histórico que é a Constituição Federal de 1988. Recentemente, vêm avançando as investigações sobre a sociedade civil, os processos de gestão e controle das políticas públicas e o papel dos
Conselhos de Direitos. Também ganha ênfase o campo de preocupação relativo aos usuários do Serviço
Social, muito embora na sua relação com as políticas

Relacionados

  • Fichamento do III Capítulo do Livro: Serviço Social em Tempo de Capital Fetiche: Capital financeiro,trabalho questão social
    2000 palavras | 8 páginas
  • Iamamoto. capital fetiche - cap. 3
    4957 palavras | 20 páginas
  • Resumo - particularidades da questão social no capitalismo brasileiro
    1636 palavras | 7 páginas
  • Terceirização do maior hospital de Goiânia-HUGO
    1279 palavras | 6 páginas
  • O ensino em serviço social e a construção de um projeto profissional nas décadas de 1980/90.
    1632 palavras | 7 páginas
  • A Instrumentalidade no Trabalho do Assistente Social
    1204 palavras | 5 páginas
  • Cfess – conselho federal de serviço social (org.). o estudo social em perícias, laudos e pareceres técnicos: contribuição ao debate no judiciário, penitenciário e na previdência social. 2ª edição. são paulo: cortez editora, 2004.
    2329 palavras | 10 páginas
  • Resumo - IAMAMOTO, Marilda. Serviço Social em tempo de capital fetiche: capital financeiro trabalho e questão social. São Paulo: Cortez, 2008.
    1342 palavras | 6 páginas
  • Fichamento do artigo: desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigencias para os assistentes sociais
    3417 palavras | 14 páginas