A química do sorvete

2215 palavras 9 páginas
A QUIMICA DO SORVETEBolhas de ar, cristais de gelo e glóbulos de gordura: não há quem não adore! Todos nós somos doidos por sorvetes, uma das mais gostosas invenções da humanidade.Embora possa ser encontrado em qualquer esquina, o sorvete é um verdadeiro fenômeno químico: diversas fases heterogêneas que, macroscopicamente, formam uma deliciosa massa homogênea e cremosa. |
Uma coisa é certa, e todos concordamos: sorvete é gostoso. Mesmo o imperador romano Nero, no século IV antes de Cristo, era um adepto: costumava enviar soldados até as montanhas para conseguir neve - misturando sucos de frutas, neve e mel, Nero tinha um protótipo do que hoje chamamos de sorvetes. Dentre as várias novidades trazidas pelo aventureiro Marco Polo quando foi para a China, estavam várias receitas de sorvetes - e isto foi antes de 1300!
Entretanto, foi somente lá pelo século XVII que o sorvete passou a ser feito sem o auxílio da neve; com a descoberta de que o sal pode abaixar a temperatura de fusão da água o advento da fabricação do sorvete surgiu. Já por volta de 1800, vários restaurantes e cafés da europa, principalmente na França, passaram a oferecer sorvetes no seu menu. E, em 1851, a primeira fábrica de sorvete, em Baltimore, foi fundada. Poucos anos depois, a refrigeração mecânica (os freezers) foram introduzidos, e sorveterias se proliferaram pelo mundo inteiro.
Embora mais coloridos, com formas diversas e bizarras, os ingredientes básicos que estão num sorvete atual continuam muito

Relacionados

  • Fatores que afetam a vida util do sorvete
    9224 palavras | 37 páginas
  • A composição química dos organismos
    4910 palavras | 20 páginas
  • Química Instrumental - Determinação do KMnO4
    959 palavras | 4 páginas
  • Estudo dos gases - quimica
    1811 palavras | 8 páginas
  • Química dos sabões
    10595 palavras | 43 páginas
  • TCC Quimica do Cabelo
    5422 palavras | 22 páginas
  • química dos aglomerados betuminosos
    2275 palavras | 10 páginas
  • A Química dos medicamentos
    4293 palavras | 18 páginas
  • Quimica dos alimentos
    957 palavras | 4 páginas