A segunda revolução industrial

3236 palavras 13 páginas
A Segunda Revolução Industrial

- A expansão da Revolução Industrial Na Europa, por volta de 1860, a Alemanha foi o local principal dos avanços industriais. No inicio do século XX, a Alemanha era o lugar mais desenvolvido, moderno e dinâmico da Europa, controlando a fabricação de aço, produtos químicos e de equipamentos elétricos e científicos. Depois de uma unificação, em 1871, a Alemanha se desenvolveu mais ainda. O governo cedeu recursos para novas empresas e adotou métodos para a proteção as indústrias e a agricultura alemã. E por meio de taxas cobradas das importações, os agricultores e industriais ficaram protegidos contra as concorrências externas.

- A expansão industrial da Rússia e do Japão
Na Rússia czarista (referente a czar, titulo dos imperadores que governaram a Rússia até o inicio do século XX), a evolução das empresas foi iniciativa do Estado, que realizou empréstimos no exterior para construir estradas de ferro e instalar empresas de diferentes ramos. Antes de 1860, o Japão tinha um imperador, mas quem tinha o poder eram os daimios, grandes senhores de terra. A situação japonesa mudou na década de1860, com a Revolução Meiji, quando o poder se voltou ao imperador. A partir daí, o Japão começou a ter reformas que os tornou uma grande potência. O

Relacionados

  • Revolução Industrial
    870 palavras | 4 páginas
  • Revolução Industrial
    1172 palavras | 5 páginas
  • Revolução Industrial
    2595 palavras | 11 páginas
  • Revolução industrial
    821 palavras | 4 páginas
  • Revolução industrial
    2364 palavras | 10 páginas
  • ARQUITETURA E SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
    1254 palavras | 6 páginas
  • A contribuição da energia elétrica na segunda revolução industrial
    928 palavras | 4 páginas