A teoria da base

804 palavras 4 páginas
A Teoria DA BASE

As teorias de crescimento/desenvolvimento regional fundamentam-se na tradição keynesiana, na década de 1950, e têm na Teoria de Base de Exportação um de seus grandes elementos. A região passa a existir para o resto do mundo a partir do momento em que comercializa seus produtos além de suas fronteiras. O seu crescimento/desenvolvimento será em decorrência do dinamismo dessa base de exportação e da difusão desse dinamismo para o resto da economia regional. Tendo como referência a concepção de North, Schwartzman (1975) delineia o que poderiam ser os elementos para uma estratégia de crescimento e de desenvolvimento regional a partir de uma base de exportação, pois segundo o autor se uma região consegue, apenas, consolidar sua base de exportação terá alcançado o crescimento regional, o desenvolvimento regional, porém, só se verificará se a região dinamizar e propagar sua base econômica. A teoria da Base de Exportação de Douglas North, porém, é direcionada para o desenvolvimento de regiões novas dos Estados Unidos, isto é, para regiões de colonização recente com base na agricultura e, especificamente para regiões que cresceram em estruturas capitalistas. No entanto, Harold Innis, citado por North (1977) utilizou, em seus estudos da economia canadense, os produtos primários como base da compreensão do desenvolvimento econômico daquele país. O termo “produtos primários” refere-se ao principal artigo produzido por uma região.

Relacionados

  • TGS - Teoria Geral de Sistemas Resenha do livro
    685 palavras | 3 páginas
  • teorias do envelhecimento
    2817 palavras | 12 páginas
  • AD Normas Contabeis Para Mensura o Reconhecimentos e Evidencia o dos Fatos Contabeis
    1342 palavras | 6 páginas
  • reatividade das moleculas organicas
    2281 palavras | 10 páginas
  • RESENHA Paradigmas da Comunicação
    1192 palavras | 5 páginas
  • CCJ0060 WL Criminologia AV2 Quest es Discursivas Condensadas 2015
    2614 palavras | 11 páginas
  • Resenha - Teorias do Jornalismo: porque as notícias são como são
    1084 palavras | 5 páginas
  • Teorias que justificam a existência do direito internacional público
    1214 palavras | 5 páginas