ANÁLISE LITERÁRIA DO CONTO: UM QUE VENDEU SUA ALMA, LIMA BARRETO.

2254 palavras 9 páginas
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ – UECE
CENTRO DE HUMANIDADES - CH
GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS

ANÁLISE LITERÁRIA
“UM QUE VENDEU SUA ALMA”, LIMA BARRETO.

GRUPO: ALLAN SILVA FLÁVIA ALMEIDA GILVAN MENDES KÁTIA MARTINS

Fortaleza – CE
Agosto 2015
Resumo do Conto
O conto “Um que vendeu a sua alma” trata da estória de um homem que está afundando em seu vazio existencial, que se vê inerte diante da vida. Sem dinheiro ou, como dá a entender, sem esposa, o homem deseja desesperadamente uma nova vida, não aguenta mais lidar com suas decepções e seus desgostos. Deseja desesperadamente sair daquele marasmo em que se encontra. O homem é amigo do narrador-personagem e conta sua estória; um dia, já cansado de seu próprio psicológico, pensa que seria uma solução vender sua alma ao Diabo, que bate em sua porta para fazer a negociação. Inicialmente pede quinhentos contos por sua alma, mas o Diabo nega, argumentando não valer a pena pois já recebe tantas de graça, o que faz sua oferta diminuir para trezentos contos e fechando a negociação em apenas vinte mil-réis.
A anedota levanta algumas questões a serem analisadas, entre elas: O retrato do psicológico humano, a mercantilização da própria

Relacionados

  • Analise literária do conto buque de linguas
    2589 palavras | 11 páginas
  • Analise do conto um apologo
    1362 palavras | 6 páginas
  • Lima Barreto Magoa Que Rala
    3847 palavras | 16 páginas
  • Análise Semântica do conto O Pescador Cego e sua versão para o inglês
    1109 palavras | 5 páginas
  • Clara dos anjos obra de lima barreto: uma reflexão sobre o preconceito racial
    1150 palavras | 5 páginas
  • Resenha do conto Procissão das Almas
    809 palavras | 4 páginas
  • Lima barreto: o homem que sabia javanes e a nova california - analise dos contos
    4064 palavras | 17 páginas
  • Análise do conto "A Aposta"
    2017 palavras | 9 páginas
  • O monge que vendeu sua ferrari
    1770 palavras | 8 páginas
  • Sinopse dos contos de Lima Barreto
    945 palavras | 4 páginas