Abnt 11742

1376 palavras 6 páginas
INTRODUÇÃO

A porta corta fogo geralmente passa despercebido no nosso dia - dia. Porém, poucos lembram que é um equipamento de grande importância e utilidade em caso de emergência. O mesmo tem por finalidade impedir ou retardar o fogo e o calor, oferecer um caminho de fuga para as pessoas e facilitar a entrada dos bombeiros. Este trabalho tem por objetivo explanar a norma da ABNT 11742 referente á PORTA CORTA FOGO, apresentando detalhes de sua estrutura, utilidade, exigências e os cuidados que devemos tomar para que ela não nos falte em um momento de emergência.

2 DEFINIÇÃO E APLICAÇÃO DA NORMA
2.1 Definição Seu papel é o de conter as chamas e o calor provenientes do fogo, razão pela qual ela é o equipamento aplicado nas saídas de emergência e nas escadas de incêndio, oferecendo um caminho seguro tanto para a fuga dos civis quanto para o acesso dos bombeiros que irão combater o fogo. Por definição a porta corta-fogo é do tipo de abrir com eixo vertical, composta de batente, ferragens e da porta em si, com a função de impedir ou retardar a propagação do fogo e calor. (NBR 11742, 3.1).
2.2 Aplicação Há uma combinação entre a capacidade de resistência ao fogo (classe da porta) e sua aplicação nas edificações. Embora a Norma Técnica de referência (Norma ABNT NBR 11742) classifique as portas corta-fogo (P-30, P-60, P-90 e P-120) e até seu emprego (4,1 e 4,9), cada Corpo de

Relacionados

  • Resumo NR 23
    3080 palavras | 13 páginas
  • combate incêndio
    1675 palavras | 7 páginas
  • Sistemas de combate a incêndio
    2212 palavras | 9 páginas
  • Leis e normas brasileiras sobre combate a incendio
    1999 palavras | 8 páginas
  • Prevenção e combate a incêndio e pânico em uma edificação pública
    17104 palavras | 69 páginas
  • importância do AVCB. O AVCB é um documento fornecido pelo Corpo de Bombeiros da Polícia Militar
    4703 palavras | 19 páginas
  • NBR 90 77
    16201 palavras | 65 páginas
  • Trabalho de proteção contra incendios
    4164 palavras | 17 páginas
  • Laudo Ed
    8673 palavras | 35 páginas
  • NBR 9077
    15713 palavras | 63 páginas