Abordagem secundária

1893 palavras 8 páginas
ABORDAGEM SECUNDÁRIA
A abordagem secundária se inicia somente quando terminada a abordagem primária, ou manobras de RCP, quando instituídas e obtido sucesso, com o objetivo de examinar todos os segmentos do corpo na sequência céfalo – caudal (sempre), em busca de possíveis lesões que embora graves, não impliquem em risco iminente de morte. Ao inicia-la em vítima com histórico de trauma é necessário à estabilização da coluna cervical manual (mãos) ou com dispositivos (colar cervical) durante todo o procedimento.
As informações obtidas na avaliação objetiva (exame céfalo-caudal), associadas ao mecanismo do trauma auxiliam ao socorrista na detecção ou suspeita de situações graves como, por exemplo, a hemorragia interna. O profissional deve buscar sinais e lesões óbvias. A vítima poderá assumir posições que denotem dor, segurando ou apontando para determinado segmento do corpo ou permanecer sentada para facilitar e melhorar a respiração. A avaliação subjetiva é feita simultaneamente, buscando informações obtidas da própria vítima ou testemunhas. Com essas informações podem-se obter detalhes do ocorrido ou do mecanismo de trauma, queixas e sintomas que o paciente relata.
Em vítimas conscientes, o profissional identifica-se, explicando o que irá fazer. Em seguida pergunta o nome da vítima, tratando-a sempre pelo seu nome. Segue a avaliação perguntando dia da semana, data do mês, onde ela está, as respostas corretas indicam nível de consciência adequado (escala de glasgow),

Relacionados

  • Abordagem humanista
    1776 palavras | 8 páginas
  • Reciclagem primaria e secundaria
    996 palavras | 4 páginas
  • Abordagem sistemica
    2652 palavras | 11 páginas
  • Qualidades primárias e secundarias
    860 palavras | 4 páginas
  • Abordagem Sensorial
    2184 palavras | 9 páginas
  • Abordagem contingencial
    928 palavras | 4 páginas
  • Abordagem tradicional
    1762 palavras | 8 páginas
  • Abordagem Utilitarista
    2025 palavras | 9 páginas
  • memoria secundaria
    2752 palavras | 12 páginas