Abuso Sexual contra crianças e adolescentes

5425 palavras 22 páginas
1 INTRODUÇÃO

A natureza específica da situação de abuso sexual contra crianças e adolescentes demanda que todos os agentes envolvidos policiais, juízes, promotores e técnicos, consideremqueo tratamento mono disciplinar da questão resulta muitas vezes na continuidade da situação de violência.
Não se trata apenas de resolver um problema legal ou de identificar uma questão psicoterapêutica. Ambos os aspectos estão presentes e devem ser tratados ao seu modo.
Neste tema, não basta compreender a situação. Na abordagem de crianças e adolescentes vítimas de abuso sexual, a atuação dos profissionais envolvidos e os procedimentos legais adotados têm efeitos significativos sobre o caso concreto e os encaminhamentos que serão dados a ele.
Ao sofrer abuso sexual, a criança ou o adolescente é apresentado ao sexo de maneira deturpada, podendo ficar com marcas psicológicas cujos efeitos em longo prazo ainda não se conhecem totalmente. Por esse motivo, a importância de conhecer e prevenir tais ações.

4

2 O QUE É ABUSO SEXUAL

Ocorre abuso sexual de crianças e adolescentes quando estes indivíduos em formação são usados para gratificação sexual de pessoas geralmente mais velhas, em um estágio de desenvolvimento psicosexual mais adiantado.
Esta situação está presente em todos os meios socioeconômicos, religiosos, étnicos e culturais.Abrange todo ato, exploração, jogo, relação hetero ou homossexual, ou vitimização, de crianças e adolescentes por um adulto, por um

Relacionados

  • Concepção e Aplicação do Estatuto da Criança e do Adolescente
    943 palavras | 4 páginas
  • Abuso e à exploração sexual infantil - juvenil
    1329 palavras | 6 páginas
  • PROJETO DE PESQUISA: Violência contra crianças e adolescentes
    1431 palavras | 6 páginas
  • O abuso sexual
    1572 palavras | 7 páginas
  • possibilidades e limites na atuacao do asssitente social no creas de dom expedito lopes frente a violencia sexual contra criancas e adolescentes
    6427 palavras | 26 páginas
  • Análise crítica dos planos das políticas setoriais: criança e adolescente
    1634 palavras | 7 páginas
  • O uso do Laudo Psicológico nos crimes contra criança e adolescente
    9037 palavras | 37 páginas
  • Questionário estatuto da criança e do adolescente
    1427 palavras | 6 páginas
  • alegações finais - Abuso sexual
    1236 palavras | 5 páginas
  • Abuso e exploração sexual
    693 palavras | 3 páginas