Alegações finais memorial

1642 palavras 7 páginas
EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA VARA CRIMINAL DA COMARCA DE ...

Autos nº...
Secretaria da Vara Criminal

“A”, já qualificado nos autos em epígrafe, por seu advogado que esta subscreve, vem a digna presença de Vossa Excelência, com o devido respeito de que é merecedor, apresentar como efetivamente apresenta ALEGAÇÕES FINAIS, com fulcro no art. 5°, inciso LV, da Constituição Federal cominado com o art. 403, §3º, do Código de Processo Penal, pelas razões de fato e de direito a seguir expostas:

DOS FATOS

Segundo denúncia do Ministério Público, o denunciado encontra-se incurso nas sanções do crime prescrito no art.289 do Código Penal, sendo preso sob a acusação de posse de moeda falsa.
Saindo da padaria acompanhado de sua namorada, o indiciado foi abordado por policiais militares, foi encontrada em poder do mesmo uma nota falsa no valor de R$ 20,00 (vinte reais). O indiciado afirmou ter recebido a referida nota no caixa da padaria, não percebendo que a nota era falsa, recebendo-a de boa fé, o depoimento foi compatível com o de sua namorada. A nota foi imediatamente mandada para um laudo pericial, onde se constatou de fato a falsidade da nota em questão, confirmando ainda a grande semelhança com uma nota verdadeira, razão pela qual estraria apta a enganar as pessoas que a subtraíssem.
Realizada audiência de instrução, aberto prazo

Relacionados

  • Alegações Finais Furto Privilegiado
    1741 palavras | 7 páginas
  • Alegações finais - roubo
    1168 palavras | 5 páginas
  • Modelo de Peça - Alegações Finais em forma de Memorial
    4081 palavras | 17 páginas
  • MEMORIAL DE ALEGAÇÕES FINAIS EM DIREITO DE FAMÍLIA
    1434 palavras | 6 páginas
  • alegações finais
    524 palavras | 3 páginas
  • Alegações finais Usucapião
    2487 palavras | 10 páginas
  • alegacoes finais
    1062 palavras | 5 páginas
  • alegações finais
    1567 palavras | 7 páginas