Análise do mercado de bicicletas

7474 palavras 30 páginas
- Público-Alvo

O Público-Alvo do mercado de bicicletas é extremamente abrangente, ou seja, são muitas as pessoas que usam ou já usaram a bicicleta uma vez na vida.
Hoje em dia é raro conhecermos alguém que não sabe andar de bicicleta. Normalmente aprendemos a usá-la quando pequenos, e depois a utilizamos para alguma ou algumas das finalidades abaixo.

Podemos classificar o público-alvo como segue:

• Pessoas que utilizam bicicleta por lazer. Ex.: Crianças ou qualquer pessoa que a utilize para divertir-se, relaxar, passear e etc.

• Pessoas que utilizam bicicleta para praticar esportes. Ex.: Ciclismo, outros esportes radicais, caminhadas e etc.

• Pessoas que utilizam bicicleta em academias ou para manter-se em forma. Ex.:
…exibir mais conteúdo…

No ano de 1855 o francês Ernest Michaux inventa o pedal, que foi instalado num veículo de duas rodas traseiras e uma dianteira. Os pedais eram ligados à roda dianteira, e o invento ficou conhecido como velocípede, palavra oriunda do latim velocidade + pé ou velocidade movida a pé. Alguns consideram-no a primeira bicicleta moderna, e na verdade ficou sendo chamado de triciclo posteriormente.
A prefeitura de Paris criou, em 1862, caminhos especiais nos parques para os velocípedes para não se misturarem com as charretes e carroças, dando assim origem às primeiras ciclovias, pois era comum alguns acidentes, rotineiramente os animais das charretes e carroças assustavam-se, causando sustos e ferimentos aos condutores. No mesmo ano, Pierre Lallement viu alguém andando com uma draisiana e teve a ideia de construir seu próprio veículo, mas com a adaptação de uma transmissão englobando um mecanismo de pedivela giratório e pedais fixados no cubo da roda dianteira. Ele então acabou criando a primeira bicicleta propriamente dita depois que mudou-se para Paris em 1863.

Consumo
No Brasil são produzidas cerca de 5,2 milhões de bicicletas ao ano. Pouco mais da metade (53%) são bicicletas de transporte. Depois, vêm as infantis (29%), de lazer (17%) e esportivas (1%). Segundo os fabricantes, o consumo de bicicletas de transporte - aquelas com um quadro

Relacionados

  • 5 Forças de Porter
    1052 palavras | 5 páginas
  • ANÁLISE CONTABIL BICICLETAS MONARK
    1063 palavras | 5 páginas
  • Briefing Caloi
    7778 palavras | 32 páginas
  • Plano de negócio matriz canvas
    2571 palavras | 11 páginas
  • Plano de Negocio empresa de bicicleta eletrica
    1336 palavras | 6 páginas
  • Análise Estrutural do Quadro de uma Bicicleta
    8610 palavras | 35 páginas
  • academia itinerante em onibus
    837 palavras | 4 páginas
  • Lean
    1446 palavras | 6 páginas