Analise Setorial - Consumo não Cíclico.

7574 palavras 31 páginas
FACULDADE DE TECNOLOGIA CARLOS DRUMMOND ANDRADE

ANÁLISE SETORIAL – CONSUMO NÃO CÍCLICO

SÃO PAULO
2013

ANÁLISE SETORIAL – CONSUMO NÃO CÍCLICO

Trabalho de Graduação Interdisciplinar apresentado à banca examinadora da Faculdade Carlos Drummond Andrade, como exigência parcial para obtenção da aprovação no Módulo de Gestão Financeira, sob a orientação do Profº. Edgard das Dores.

SÃO PAULO
2013

ANÁLISE SETORIAL – CONSUMO NÃO CÍCLICO

Este Trabalho de Graduação Interdisciplinar foi julgado e aprovado, como exigência parcial para obtenção da aprovação no Quarto Semestre do Curso de Tecnologia em Gestão Financeira, sob a orientação do Profº Edgard das Dores.
São Paulo, 26 de Junho de 2013.

Banca Examinadora
___________________________
Profº. Edgard das Dores
___________________________
Profº. Mario Tortoreli Filho
___________________________
Profº. de apoio.
___________________________

AGRADECIMENTOS
Primeiramente gostaríamos de agradecer a Deus que nos deu muita força para chegar até aqui, aos nossos familiares que nunca nos desampararam e não nos deixaram desistir, e agradecer principalmente aos professores que nos ensinaram e nos orientaram com extremo empenho neste semestre.

RESUMO
No Trabalho que será apresentado falaremos sobre o setor de consumo não-cíclico. O mesmo comporta as empresas que se

Relacionados

  • Automação de um sistema de avicultura
    9618 palavras | 39 páginas
  • Analise setorial
    10775 palavras | 44 páginas
  • As agências reguladoras: sua importância e papel na economia brasileira, de acordo com o texto constitucional
    14004 palavras | 57 páginas
  • Profarma - analise financeira
    4597 palavras | 19 páginas
  • Monografia eletro-obtenção de cobre (inacabada)
    5463 palavras | 22 páginas
  • Cenarios economicos brasileiro
    10652 palavras | 43 páginas
  • Tcc marketing de produto
    10921 palavras | 44 páginas
  • Tcc indice de sustentabilidade empresarial
    13698 palavras | 55 páginas
  • Herança de diferenciação e futuro de fragmentação
    12930 palavras | 52 páginas
  • fordismo, sua crise e o caso brasileiro
    12430 palavras | 50 páginas