Analise critica do incêndio da boate Kiss

2910 palavras 12 páginas
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL
Técnico em Segurança do Trabalho
Terceiro Semestre

AVALIAÇÃO TÉCNICA DO INCENDIO NA BOATE KISS

Jéssica da Silva
Hector Felipe da Silva
Aldelir José Inacio

Joinville
2014
INTRODUÇÃO

ANALISE DE RISCOS

PARECER TÉCNICO De acordo com os bombeiros o estabelecimento tinha capacidade para 691 pessoas, mas segundo o relato de testemunhas presentes no local a boate tinha pelo menos mil pessoas presentes no dia. Com o relato de Vanessa Vasconcelos que, participava das relações publicas da casa à dois anos afirma que era comum a impressão de mil comandas por festa, além dessas mil comandas eram guardadas cerca de duzentas ou quinhentas a mais para reserva. Conforme o engenheiro especialista em gerenciamento de riscos e planejamento de emergências Moacyr Duarte através de um calculo, pode-se chegar a quantidade exata de pessoas que poderia estar caber no estabelecimento. Com estes dados pode-se afirmar que a boate estava muito acima do limite da capacidade permitida. Os riscos e perigos encontrados no local do acidente foram a superlotação, reformas em nome da estética e não visando a segurança, o material utilizado para o tratamento acústico não era adequado, a falta de sensores de alarme de incêndio, falta de sinalização, como por exemplo, placas ou faixas de luzes indicando a saída, falta de saídas de emergência e irregularidade nos documentos necessários. A melhor

Relacionados

  • incendio na boate kiss
    10476 palavras | 42 páginas
  • Linguagem jornalistica Nilson Lage
    3027 palavras | 13 páginas
  • Teoria da ação (tgp)
    9852 palavras | 40 páginas