Aroeira

979 palavras 4 páginas
Aroeira
Parte usada: Cascas , folíolos, sementes, frutos, óleo resinos A aroeira apresenta grande uso farmacológico. Sua entrecasca possui propriedades antiinflamatórias, adstringentes, antialérgicas e cicatrizantes. As raízes são usadas no tratamento de reumatismo e as folhas são indicadas para o tratamento de úlceras. Além disso, sua madeira, em função da durabilidade e dificuldade de putrefação, é muito usada na construção civil como postes ou dormentes para cercas, na confecção de móveis de luxo e adornos torneados. No entanto, devido aos seus princípios alergênicos, a árvore não deve ser cultivada em locais de fácil acesso ao público. Em decorrência desses múltiplos usos, a aroeira vem sofrendo um processo de exploração intensa, de forma predatória, causando a devastação de suas populações naturais. Além disso, deve-se salientar que a exploração seletiva da aroeira para uso na indústria madeireira praticamente extinguiu os indivíduos de grande porte, sendo, portanto, considerada ameaçada de extinção e categorizada como vulnerável. Assim, estudos ecológicos básicos, principalmente relacionados com a fenologia e germinação das sementes de M. urundeuva, são essenciais para programas de preservação, manejo e restauração de suas populações.
Princípios ativos: Óleo essencial: rico em mono e sesquiterpenos. Taninos, Resinas, Alcalóides, Flavonóides, Saponinas esteroidais, Esteróides, Triterpenos, cis-sabinol, p-cimeno, limoneno, simiarinol, alfa e beta pineno,

Relacionados

  • o esplendor de roma
    1179 palavras | 5 páginas
  • Plantas tóxicas
    1496 palavras | 6 páginas
  • estagio
    1669 palavras | 7 páginas
  • Principais chargistas
    886 palavras | 4 páginas
  • Centro Fitoterápico da cidade de Viçosa/CE: plantas cultivadas e medicamentos produzidos em 2011.
    1693 palavras | 7 páginas
  • aroeira
    1334 palavras | 6 páginas
  • Caatinga economia
    389 palavras | 2 páginas
  • O taekwondo e sua contribui o na educa o infantil
    5527 palavras | 23 páginas
  • A importância e o uso das plantas medicinais na reserva indígena de massacará no estado da bahia
    3647 palavras | 15 páginas