Arquitetura Oficial - Fortes, fortins e fortalezas

3128 palavras 13 páginas
INTRODUÇÃO
No conjunto das obras de arquitetura que herdamos do passado, destacam-se, por seus valores históricos e artísticos, as fortificações.
As primeiras fortificações coloniais foram construídas não só por portugueses, mas também por espanhóis, franceses e holandeses, que tinham interesse no território.
O forte era um marco avançado da conquista do território, precedendo, na maioria das vezes, o assentamento definitivo dos colonizadores.
A construção de instalações defensivas constituía uma das primeiras tarefas dos enviados do governo português para missões de colonização.
Ao todo, ao longo de dois séculos e meio, essas fortificações somaram mais de 350 unidades de diferentes formatos: fortificações, fortalezas, fortes,
…exibir mais conteúdo…
Além disso, as paredes de terra apresentavam boa elasticidade e boa absorção aos impactos da artilharia e podiam ser recuperadas com facilidade.
As construções mais permanentes, no entanto, foram erguidas com uma técnica construtiva conhecida como pedra e cal, a qual se disseminou, em especial, ao longo de todo o Século XVIII, e cuja solidez permitiu sua sobrevivência até os dias de hoje.
-DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL (PLANTAS BAIXAS):
FALTA
- VÃOS E GUARNIÇÕES:
FALTA

FORTES E FORTALEZAS DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO
Na cidade do Rio de Janeiro e na vizinha Niterói, foram construídas importantes fortificações para a defesa de seu território. Algumas foram destruídas, porém outras resistiram ao tempo e se apresentam atualmente como um grande atrativo devido a sua imponência e localização em sítios de incomparável beleza. Protegendo a entrada da baía de Guanabara, quatro dessas fortificações foram construídas no lado de Niterói, uma em plena baía e as restantes em locais estratégicos da cidade do Rio de Janeiro.

1- Fortaleza de São José da Ilha das Cobras
Localização: Ilha das Cobras- Baía de Guanabara- Centro
Tratava-se de uma fortificação de pequenas dimensões, com poucos recursos em termo de defesa, mas em posição privilegiada (entre o Morro de São Bento e o Forte de São Tiago), dominando o antigo

Relacionados