Articulação entre sistema fonologico e gráfico

1538 palavras 7 páginas
ARTICULAÇÃO ENTRE O SISTEMA FONOLÓGICO E GRÁFICO

As crianças, desde cedo, devem perceber que há uma relação muito estreita entre fala e escrita. A escrita é o esforço cultural e civilizatório do homem de representar, através de sua percepção visual, os sons da fala, da sua expressão oral. A alfabetização não vem apenas do olhar, mas da escuta ativa dos sons da fala. A boa alfabetização não viria, pois, a rigor, nem se justificaria mesmo, com o uso, em sala de aula, de cartilhas de ABC, mas com a valorização, no interior da escola, da e expressão oral: isto é, defendo aqui que a alfabetização escolar se dê inicialmente com os sons da fala, uma alfabetização fonológica, para, em seguida, transformar-se em alfabetização
…exibir mais conteúdo…
Por que a escola não alcança essa consciência da língua e de sua estreita relação com suas habilidades lingüísticas (leitura, escrita, escuta e fala)? As seguintes perturbações fonológicas poderão ser previstas no uso da língua portuguesa por um falante nativo de xavante, devido à possibilidade de que o sistema xavante influencie a sua percepção dos contrastes fonológicos na língua portuguesa:

1. Aspiração das oclusivas em início de sílaba.
2. Pouca fricção na pronúncia do fonema /h/. Terá a tendência de pronunciar este fonema com muita aspiração.
3. Falha em distinguir claramente entre os fonemas /t/, /s/, e /š/, e entre os fonemas /d/,
/z/, e /ž/.
4. A tendência de confundir vogais orais com vogais nasais quando seguem consoantes nasais e as consoantes /b/, /d/, /z/, /ž/, e /ny/.
5. A tendência de confundir os fonemas /f/ e /v/ com /p/, /w/, e /b/; e pronunciá-los com lábios arredondados.
6. A tendência de confundir o /k/ com /t/, e o /g/ com /d/.
7. A tendência de confundir o /l/ com /r/.
8. Colocação de oclusão glotal, ou uma semi-vogal entre encontros vocálicos.
9. Dificuldade em controlar a pronúncia de encontros consonantais a não ser /pr/ e /br/ em início de sílaba.
10. Dificuldade em pronunciar consoantes no final de palavras.
11. A tendência de confundir o /ũ/ com /u/ ou /õ/.
12. A tendência de pronunciar as vogais nasais médias com mais abertura.
13. A transferência do

Relacionados

  • Resumo com resenha iniciação à fonética e à fonologia
    1859 palavras | 8 páginas
  • Contribuição da linguística para a alfabetização
    5346 palavras | 22 páginas
  • Diferenças fonéticas entre inglês americano e inglês britânico
    5378 palavras | 22 páginas
  • Monografia dificuldades de aprendizagem
    9285 palavras | 38 páginas
  • conscientizaçao da importancia da leitura como fonte de conhecimento e participaçao na sociedade
    11915 palavras | 48 páginas