As formas primitivas do capital e as condições históricas que levaram a inglaterra a ser a sede do capitalismo originário

1056 palavras 5 páginas
CONTEXO HISTÓRICO

É a partir da crise do sistema feudal que podemos observar as mudanças no cenário histórico. Essa crise pode ser explicada pelo surgimento dos mercados, que com eles trouxeram o comerciante e a comunidade comerciante pois ,assim as prestações de serviços poderiam desaparecer transformando-se um uma relação contratual em termos monetários. Existem também divergências, onde acredita-se que o comércio pode ter gerado um aumento do trabalho servil. “Conforme Marx observou a “influencia dissolvente” que o comércio terá sobre a antiga ordem depende do caráter desse sistema. “ sua solidez e articulação interna “ e em particular, “o novo modo de produção que tomará o lugar do antigo é coisa que não depende do comércio , mas do caráter do próprio modo de produção antigo”. ( DOBB, 1983 .p.51.) “ A ineficiência do feudalismo como um sistema de produção , conjugada às necessidades crescentes de renda por parte da classe dominante, foi fundamentalmente responsável por seu declínio, uma vez que a necessidade de renda adicional promoveu um aumento da pressão sobre o produtor a um ponto que se tornou literalmente insuportável”( DOBB , 1983, p.51) Podemos explicar a afirmação anterior devido ao fato do senhor feudal sobreviver agora do trabalho excedente do camponês,pois, era desse trabalho que ele podia extrair sua renda, no entanto além desse excedente o camponês também tinha que produzir e cultivar sua própria terra. Tal dependência do senhor para com o

Relacionados