As narrativas em medicina: contribuições à prática clínica e ao ensino médico

1257 palavras 6 páginas
RESENHA

GROSSMAN, Eloísa; CARDOSO, Maria Helena Cabral de Almeida. As narrativas em medicina: contribuições à prática clínica e ao ensino médico, Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro, v. 30, n° 1, p. 6-14, jan/abr.2006.

Eloísa Grossman é doutoranda da Pós Graduação em Saúde da Criança e da Mulher do Instituto Fernandes Figueira, Fundação Oswaldo Cruz, médica do Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente da Universidade do Estado do Rio de Janeiro e professora assistente na Faculdade de Ciências Médicas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro.
Maria Helena Cabral de Almeida Cardoso é professora de Pós-graduação em Saúde da Criança e da Mulher do Instituto Fernandes Figueira, Fundação Oswaldo Cruz e pesquisadora
…exibir mais conteúdo…
Desta forma, os estudantes são preparados para leitura de todas as formas de narrativas médicas, entre elas, prontuários, imagens diagnósticas, histórias narradas pelos pacientes, exames físicos ou cursos clínicos das doenças.
A abordagem narrativa traz lealdade para o diálogo entre profissionais de saúde, forçando-os a exporem suas concepções e preconceitos, confrontando-os.
Com o avanço da medicina, exames cada vez

Relacionados

  • Redes de atenção a saúde
    9737 palavras | 39 páginas
  • As conseqüências da ausência da família na aprendizagem da criança
    5097 palavras | 21 páginas
  • PBANALISE INSTITUCIONAL
    11661 palavras | 47 páginas
  • Perfil psicológico do criminoso
    15264 palavras | 62 páginas