Aspectos Psicológicos dos pacientes internados na unidade de terapia intensiva (UTI)

1932 palavras 8 páginas
XIX Encontro de Iniciação à Pesquisa
Universidade de Fortaleza
21 à 25 de Outubro de 2013

Aspectos Psicológicos dos Pacientes Internados na Unidade de Terapia
Intensiva (U.T.I).

Brenda Duarte Façanha² (IC), Bruna Alda Colares Botêlho² (IC), Hugo Teixeira

Holanda²* (IC), Jessica Almeida de Oliveira¹ (IC), Soraya Gomes Rocha³ (PQ).

1. Universidade de Fortaleza - Curso de Enfermagem - PROMOV
2. Universidade de Fortaleza - Curso de Enfermagem.
3. Universidade de Fortaleza - Professora do Curso de Enfermagem.
Hugotholanda@hotmail.com
Palavras chave: Unidade de Terapia Intensiva. Humanização. Observação. Fatores psicológicos. Morte eminente. Resumo
O trabalho a seguir procura identificar a percepção do paciente sobre sua permanência na Unidade de Terapia Intensiva (U. T. I). A UTI é um setor que oferece cuidados aos pacientes que apresentam instabilidade clínica grave, propõe tratamentos complexos que garantem a sobrevivência e a melhoria do estado geral de saúde dos pacientes. Os pacientes possuem uma visão da UTI, vinculada à idéia de sofrimento e morte; os enfermeiros ocupam um importante papel nos momentos de fragilidade, dependência física e emocional. Para a coleta e análise dos dados, utilizou-se uma abordagem qualitativa.

Introdução
Com o rápido crescimento das unidades de terapia intensiva (U. T. I) e do uso de aparelhagens modernas, a prática de técnicas, invasivas ou não, também se desenvolveram a partir da década de 60. Em

Relacionados

  • Estágio UTI (Relatório
    2551 palavras | 11 páginas
  • Qualidade de vida dos profissionais de enfermagem com dupla jornada da unidade de terapia intensiva
    16516 palavras | 67 páginas
  • Cinesioterapia aplicada às desordens motoras em pacientes com seqüelas de hanseníase
    5201 palavras | 21 páginas
  • O papel do psicologo em uti neonatal
    3677 palavras | 15 páginas
  • ESTUDO DE CASO. PRÁXIS DE ENFERMAGEM NA ALTA COMPLEXIDADE APLICADA AO SUJEITO ACOMETIDO POR TRAUMA CRANIOENCEFÁLICO.
    4052 palavras | 17 páginas
  • Aneurisma (dissecante)
    8382 palavras | 34 páginas
  • RELATÓRIO SUPERVISIONADO
    6211 palavras | 25 páginas
  • IMPORTÂNCIA DA AUDITORIA NO CONTROLE DA INFECÇÃO HOSPITALAR
    13234 palavras | 53 páginas
  • A escuta pedagógica à criança hospitalizada: discutindo o papel da educação no hospital
    13745 palavras | 55 páginas