Ativismo Judicial E Direito A Saude

7551 palavras 31 páginas
Assunto Especial – Doutrina
Ativismo Judicial

Ativismo Judicial e Direito à Saúde: uma Análise da Tutela
Jurisdicional nas Ações de Medicamentos
KARINA DENARI GOMES DE MATTOS
Discente do 8º Termo do Curso de Direito das Faculdades Integradas “Antonio Eufrásio de
Toledo” de Presidente Prudente, Bolsista do Programa de Iniciação Científica do NEPE – Núcleo de Estudos e Pesquisas das Faculdades Integradas “Antonio Eufrásio de Toledo” de Presidente
Prudente, Estagiária da Procuradoria Seccional da União – Advocacia-Geral da União de Presidente Prudente/SP.

GELSON AMARO DE SOUZA
Graduado em Direito pelas Faculdades Integradas “Antônio Eufrásio de Toledo”, de Presidente
Prudente/SP, Mestre em Direito pela ITE de Bauru/SP, Doutor em Direito das Relações Sociais
– com área de concentração em Processo Civil pela PUC/SP, Procurador Aposentado do Estado de São Paulo, Advogado Militante em Presidente Prudente/SP, Orientador do Trabalho.

DOI: 10.11117/22361766.37.01.02
Submissão: 29.09.2010
Parecer 1: 21.11.2010
Parecer 2: 05.11.2010
Decisão Editorial: 25.11.2010

RESUMO: O presente trabalho possui como escopo primordial estipular diretrizes para a melhor compreensão do “ativismo judicial”, fenômeno jurídico que se destaca neste século XXI, conceituando-o e definindo sua natureza, origem histórica e extensão no Brasil. A posteriori, verifica-se a inserção de tal tendência nas ações judiciais relacionadas ao fornecimento de medicamentos e tratamentos médicos pelo Estado, tanto a nível

Relacionados

  • Direito Fundamental à Saúde: Da Falta de Efetividade à Judicialização
    13373 palavras | 54 páginas
  • Separação dos poderes e ativismo judicial
    9141 palavras | 37 páginas
  • O demantismo Judicial
    2069 palavras | 9 páginas
  • Arelação entre os três poderes no Brasil:uma dinâmica atual dessa interação
    5676 palavras | 23 páginas
  • Problemas de legitimidade da justiça constitucional
    2144 palavras | 9 páginas
  • Resenha Crítica - Direito Constitucional, Alexandre de Moraes
    1168 palavras | 5 páginas
  • Direito Previdenciario - introdução
    2569 palavras | 11 páginas
  • "Requisitos pragmáticos da interpretação jurídica sob o paradigma do Estado Democrático de Direito”, de Menelick de Carvalho Netto.
    2188 palavras | 9 páginas
  • Intervensão
    1836 palavras | 8 páginas
  • Igualdade
    2252 palavras | 9 páginas