BASES TEÓRICAS E CONCEITUAIS DA PEDAGOGIA DAS COMPETÊNCIAS: ESTUDO SEGUNDO PHILIPPE PERRENOUD

2975 palavras 12 páginas
BASES TEÓRICAS E CONCEITUAIS DA PEDAGOGIA DAS
COMPETÊNCIAS: ESTUDO SEGUNDO PHILIPPE PERRENOUD
MELLO, Cheila Dionisio de – IFPR falarcomcheila@hotmail.com TURMENA, Leandro – Professor Ms. IFPR lturmena@hotmail.com Eixo temático: 1. História da Educação
Agência Financiadora: não contou com financiamento
Resumo
Esta pesquisa investiga as bases teóricas e conceituais da pedagogia das competências, segundo
Philippe Perrenoud, uma vez que, esta tem influenciado a educação no Brasil a partir da década de 1990. Constata-se que através das mudanças no mundo do trabalho, vem emergindo um novo cenário educacional, exigindo dos trabalhadores um conjunto de saberes para que este possa ser inserido no mercado de trabalho e garantir seu emprego, atendendo as novas exigências demandadas pelo capital. Exigências estas reafirmadas por intermédio da pedagogia das competências, defendida por Philippe Perrenoud, cujo objetivo é dotar os indivíduos de comportamentos flexíveis, que lhes permitam adaptar-se as condições impostas pelo mercado de trabalho, atendendo às demandas do processo de reestruturação produtiva do capital.
Palavras-Chaves: Educação. Pedagogia das Competências. Formação Escolar. Qualificação
Profissional.

Introdução

O objetivo deste estudo é investigar as bases teóricas e conceituais da pedagogia das competências, segundo Philippe Perrenoud, uma vez que, esta tem influenciado a educação no
Brasil a partir da década de 1990. O interesse pelo presente

Relacionados

  • Docência no ensino superior: problematização, identidade e saberes do professor
    5545 palavras | 23 páginas
  • Ensino por competências
    11339 palavras | 46 páginas
  • Seminario de jogos e brincadeiras
    13385 palavras | 54 páginas