Behaviorismo - considerações finais

2714 palavras 11 páginas
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE

CONSIDERAÇÕES FINAIS
Personocracia, Skinner e Behaviorismo

GUARAPUAVA
2014

CONSIDERAÇÕES FINAIS
Personocracia, Skinner e Behaviorismo

Trabalho desenvolvido e apresentado no curso de graduação em Ciências Biológicas da Universidade Estadual do Centro-Oeste na disciplina de Psicologia da Educação orientada pela Prof.ª .... .................. sobre os pontos principais Personocracia, Skinner e Behaviorismo radical.

GUARAPUAVA
2014
SUMÁRIO

RESUMO.........................................................................................1
1 INTRODUÇÃO.................................................................................1
2 PERSONOCRACIA.........................................................................1
3 BEHAVIORISMO.............................................................................2
3.1 Behaviorismo no Brasil....................................................................2
3.2 Biografia de Skinner.........................................................................3
3.3 Behaviorismo e sua atuação............................................................5
3.4 Behaviorismo Radical......................................................................6
4 CONCLUSÃO..................................................................................7

Relacionados

  • Historia de watson
    1369 palavras | 6 páginas
  • Psicologia e aprendizagem
    873 palavras | 4 páginas
  • SKINNER –COMPORTAMENTO HUMANO
    5579 palavras | 23 páginas
  • Analise propaganda de cerveja
    5350 palavras | 22 páginas
  • Reforço positivo, negativo e punição
    2034 palavras | 9 páginas
  • Autoconhecimento e liberdade em behaviorismo radical
    1984 palavras | 8 páginas
  • Aprendizagem segundo a perspectiva behaviorista
    1871 palavras | 8 páginas
  • A psicologia e suas abordagens atuais
    3641 palavras | 15 páginas
  • Resumo sobre as teorias da aprendizagem
    1224 palavras | 5 páginas
  • Correntes teorica do behaviorismo , inatismo e interacionismo
    2640 palavras | 11 páginas