Biobisponibilidade de farmacos Enantiomeros

1825 palavras 8 páginas
BIODISPONIBILIDADE E
BIOEQUIVALÊNCIA DE
MEDICAMENTOS CONTENDO
ENANTIÔMEROS

Maria da Glória Batista de Azevedo
Mestranda em Ciências Farmacêuticas – UEPB
2013.1

BIODISPONIBILIDADE E BIOEQUIVALÊNCIA DE
MEDICAMENTOS CONTENDO ENANTIÔMEROS

INTRODUÇÃO
• São

compostos

diferentes possuem ESTEREOISÔMEROS

que a mesma

fórmula molecular.

ISÔMEROS

• São isômeros que diferem entre si

somente

pela

disposição de seus átomos no espaço.

BIODISPONIBILIDADE E BIOEQUIVALÊNCIA DE
MEDICAMENTOS CONTENDO ENANTIÔMEROS

INTRODUÇÃO
• São isômeros ópticos entre si, sendo um a imagem especular do outro e cujas estruturas não

sobrepõem.
ENANTIÔMEROS

se

MISTURA
RACÊMICA
• Mistura de enantiômeros composta por 50% de cada um.

BIODISPONIBILIDADE E BIOEQUIVALÊNCIA DE
MEDICAMENTOS CONTENDO ENANTIÔMEROS

Fonte: http://quimicasemsegredos.com/isomeria-optica.php

BIODISPONIBILIDADE E BIOEQUIVALÊNCIA DE
MEDICAMENTOS CONTENDO ENANTIÔMEROS

ENANTIÔMEROS
Só ocorrem com os compostos cujas

moléculas são quirais.
Átomo

de

carbono

ligado

a

quatro

diferentes átomos ou grupos de átomos.

Fonte: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/tvmultimidia/image ns/2quimica/7quiral.jpg

BIODISPONIBILIDADE E BIOEQUIVALÊNCIA DE
MEDICAMENTOS CONTENDO ENANTIÔMEROS

ENANTIÔMEROS
Possuem propriedades físico-químicas idênticas;
Nomenclatura
Dextrógiro

Levógiro

Direita

Esquerda

Relacionados

  • Farmaco
    1314 palavras | 6 páginas
  • FÁRMACOS ANTAGONISTAS ADRENÉRGICOS FÁRMACOS ANTI-HIPERTENSIVOS FÁRMACOS ANTIANGINOSOS
    8249 palavras | 34 páginas
  • Projeto de tcc " funções organicas envolvendio os farmacos"
    1641 palavras | 7 páginas
  • Aplicação de nanocápsulas e nanoesferas poliméricas em farmacologia: liberação controlada de fármacos
    3471 palavras | 14 páginas
  • Interacoes farmaco receptor
    11485 palavras | 46 páginas
  • AD1 de farmaco
    810 palavras | 4 páginas
  • Absorção Farmacos
    1738 palavras | 7 páginas
  • AVALIAÇÃO DOS IMPACTOS AMBIENTAIS CAUSADOS PELO DESCARTE DE FÁRMACOS NO MEIO AMBIENTE
    5267 palavras | 22 páginas