Bioquimica clinica

7074 palavras 29 páginas
INTRODUÇÃO
Uma das principais finalidades dos resultados dos exames laboratoriais é reduzir as dúvidas que a história clínica e o exame físico fazem surgir no raciocínio médico. Para que o laboratório clínico possa atender, adequadamente, a este propósito, é ndispensável que todas as fases do atendimento ao paciente sejam desenvolvidas seguindo os mais elevados princípios de correção técnica, considerando a existência e a importância de diversas variáveis biológicas que influenciam, significativamente, a qualidade final do trabalho.
A proteína total é uma medição aproximada da proteína sérica que pode revelar o estado nutricional, doença renal, doença hepática e muitas outras condições. Se a proteína total estiver anormal, outros testes
…exibir mais conteúdo…
A quantidade de íons hidrogênio livres nas soluções é quantificada pelo pH. Quanto maior a quantidade de íons hidrogênio nas soluções, tanto mais baixo será o seu pH; ao contrário, as soluções com baixa concentração de íons hidrogênio, tem o pH mais elevado. A água é a substância padrão para comparação com as demais substâncias. A dissociação da água é desprezível; apenas uma molécula, em cada 10 milhões, se dissocia. A água é, portanto, uma substância neutra, ou seja não é ácido nem é base. O pH da água é 7; a água ocupa o ponto neutro da escala do pH, que vai de 0 a 14. As soluções com pH inferior ao da água, são consideradas ácidas; as soluções cujo pH é superior a 7, são consideradas bases. O pH do sangue reflete a atividade iônica de numerosas substâncias e é ligeiramente maior que o pH da água. O sangue normal tem o pH que varia entre 7,35 e 7,45. O sangue normal, portanto, é levemente alcalino, em relação à água. Quando o pH do sangue está abaixo de 7,35 dizemos que existeacidose; quando o pH do sangue supera o valor de 7,45, dizemos que há alcalose

DESENVOLVIMENTO
Uma das principais finalidades dos resultados dos exames laboratoriais é reduzir as dúvidas que a história clínica e o exame físico fazem surgir no raciocínio médico. Para que o laboratório clínico possa atender, adequadamente, a este propósito, é indispensável que

Relacionados

  • Bioquimica clinica rins
    4354 palavras | 18 páginas
  • EXERCICIOS BIOQUIMICA CLINICA
    1977 palavras | 8 páginas
  • EXERCÍCIO DE REVISÃO BIOQUÍMICA CLÍNICA
    1304 palavras | 6 páginas
  • bioquimica clinica
    3692 palavras | 15 páginas
  • Imunologia clinica
    1368 palavras | 6 páginas
  • Bioquimica
    1516 palavras | 7 páginas
  • Trabalho de analises clinicas
    2192 palavras | 9 páginas
  • Função de Polissacarídeos Complexos (heteropolissacarídeos ou glicosaminoglicanos) e doenças relacionadas
    959 palavras | 4 páginas
  • relatório de estágio de análises clínicas
    1632 palavras | 7 páginas
  • Origem da biomedicina
    4313 palavras | 18 páginas