Bloco economico da America do Sul, O Mercado Comum do Sul (MERCOSUL)

2311 palavras 10 páginas
MERCOSUL O Mercado Comum do Sul (Mercosul), formado pelo Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, foi instituído por meio do Tratado de Assunção em 1991. Houve ainda a entrada de vários membros-associados, como o Chile (1996), Bolívia (1997), Perú (2003) e Venezuela (2004), culminando em 2005 com o acordo entre Mercosul e o Pacto Andino (é um bloco econômico sul-americano formado por Bolívia, Colômbia, Equador e Peru) que deflagra a proposta de criação da Comunidade Sul-Americana de Nações.
Países associados ao bloco, podem participar das reuniões, no entanto, não possuem direito de voto. O principal critério para uma nação se associar ao Mercosul é ser integrante da Associação Latino Americana de Integração (ALADI).
A
…exibir mais conteúdo…

O GMC se pronuncia mediante Resoluções, que são obrigatórias para os Estados Partes.

- CCM – Comissão de Comércio do Mercosul é o órgão encarregado de assistir o Grupo Mercado Comum. É integrada por quatro titulares e quatro alternos de cada Estado Parte e coordenada pelos Ministérios das Relações Exteriores. Entre as suas funções estão: velar pela aplicação dos instrumentos comuns da política comercial; regular o comércio intra-Mercosul e com terceiros países e organismos internacionais. As Diretrizes feitas pela CCM são obrigatórias para os Estados Partes.

Além desses órgãos, deve-se mencionar o Parlamento do Mercosul, a Comissão de Representantes Permanentes do Mercosul, as Reuniões de Ministros, o Foro de Consulta e Concertação Política, o Foro Consultivo Econômico e Social, os Subgrupos de Trabalho, as Reuniões Especializadas, os Comitês, os Grupos AD HOC, os Grupos, a Comissão Socio-Laboral e os Comitês Técnicos. No Mercosul, a criação do parlamento, isto é, um órgão representativo dos cidadãos dos Estados Partes do Mercosul, fundamentou-se no reconhecimento da importância da participação dos Parlamentos dos Estados Partes no aprofundamento do processo de integração e no fortalecimento da dimensão institucional de cooperação inter-parlamentar. A instalação do Parlamento do Mercosul contribui para reforçar a dimensão político-institucional e cidadã do processo de integração, ao facilitar o processo de internalização, nos

Relacionados

  • Economia da América do Sul
    2089 palavras | 9 páginas
  • geografia: unasul, mercosul e brics
    1983 palavras | 8 páginas
  • Regionalização américas
    1921 palavras | 8 páginas
  • resumo blocos regionais
    1869 palavras | 8 páginas
  • Geografia
    1348 palavras | 6 páginas
  • Blocos economicos
    863 palavras | 4 páginas
  • A abertura econômica brasileira na década de 1990 e o mercado comum do sul - mercosul: aspectos relevantes na história de um brasil emergente
    5333 palavras | 22 páginas
  • Globalização e os blocos econômicos
    1404 palavras | 6 páginas
  • Os blocos econômicos
    3064 palavras | 13 páginas
  • Blocos econômicos: Brasil e China
    873 palavras | 4 páginas