Caio prado jr - formação do brasil contemporâneo (resumo)

6776 palavras 28 páginas
Caio Prado Jr - Formação do Brasil Contemporâneo (resumo)CAIO PRADO JR
FORMAÇÃO DO BRASIL CONTEMPORÂNEO

1. MOTIVAÇÕES DOS COLONIZADORES

Dentre os motivos que motivaram os colonizadores a partir para a conquista ultramar estava a procura de regiões onde não houvesse a concorrência comercial como havia nas Índias. Enquanto os outros países se ocupavam do comércio entre eles com o deslocamento das rotas comerciais para o mar, que gerou a primazia dos Estados costeiros, Portugal partia em conquista da África, com o périplo africano, de onde tirou ouro, marfim, escravos e pimenta malagueta, para tentar alcançar as Índias pelo oriente, e das Ilhas do Atlântico. Os países que dominavam as rotas terrestres ficaram para trás na conquista de
…exibir mais conteúdo…
Como foi dito, o povoamento se deu quase que exclusivamente no litoral.Vale salientar que o litoral brasileiro era muito pouco favorável ao estabalecimento do homem por formar uma linha regular e uniforme, sem endentações, com abrigo escassos e depósitos arenosos que dificultam o acesso ao interior. A melhor faixa foi a que ia do Cabo Calcanhar até Maceió, que tinha vários rios navegáveis, boas matas, solo fértil, águas calmas, quebramar e recifes.
Os maiores povoamentos se fixaram no Recôncavo Baiano, que era um conjunto de rios com estuários longos e profundos e uma zona de terras férteis articuladas por rios e era o ponto mais rico da colônia. No Rio se instalaram alguns engenhos de açúcar e aguardente. Já em São Paulo, sua posição excêntrica dificultou a agricultura. O Ceará, com solo arenoso e serras, desenvolveu a pecuária. Na Amazônia o acesso foi fácil dada a soberania duvidosa na época da união das coroas.
A entrada no interior só acontece no segundo século, quando surfe o interesse na agricultura. Surge então a pecuária no Nordeste e a penetração pela bacia Amazônica. A descoberta do ouro desloca o eixo econômico do norte para a região centro-sul, gerando uma crise e uma sangria de gente no Nordeste, que logo se recupera.

5. POVOAMENTO INTERIOR

Deu-se por três fatores: a fazendas de gado, a mineração e a penetração da Amazônia. Nesta última predominou a comunicação fluvial, cuja única área de penetração era o

Relacionados

  • O históriador marxista caio prado jr. e sua obra “formação do brasil contemporâneo”.
    1706 palavras | 7 páginas
  • Raizes da modernidade em minas gerais
    3721 palavras | 15 páginas
  • Veblen: a classe ociosa e o nascimento do capitalismo
    3436 palavras | 14 páginas
  • A crise da sociologia rural no brasil
    15523 palavras | 63 páginas