Cangaceiros, contos e coisas do sertão!

2457 palavras 10 páginas
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ
CURSO DE LETRAS

Lampião, Cangaceiro, Contos e Coisas do Sertão!
Haroldo Felinto

DISCENTE:
ORIENTADOR: Prof. Batista de Lima

ÁREA: Letras

Fortaleza/Ce
2013
RESUMO
Muito já se escreveu sobre o lendário Virgulino. Haroldo Felinto, sem o compromisso rígido, nos traz episódios marcantes da vida de Lampião. Navega também pelo oceano do conto e da prosa e pelo cangaço que se configura como um dos mais significativos fenômenos ocorridos nesse nosso chão de mata branca.
O leitor é convidado a embrenhar-se na caatinga, cortar o sertão, conversar com coiteiro, receber orientações de Padre Cícero,
…exibir mais conteúdo…
Uma dessas, abordada no livro, seria relativa ao fato de o sacerdote, na época da Coluna de Prestes, convidar Lampião a colaborar com o governo dando ao cangaceiro a patente de “Capitão do Exército”. O livro de Haroldo Felinto reproduz até a oração que o “Padim” ofereceu ao “Capitão Virgolino”. Era uma oração de fechamento de corpo, para livrar o cangaceiro de qualquer coisa, de arma de fogo, de faca e outras coisas ruins. Eis a oração na íntegra:
Justo Juiz de Nazaré, filho da Virgem Maria, que em Belém foste nascido entre as idolatrias, eu vos peço Senhor, pelo vosso sexto dia, e pelo amor de meu Padrinho Cícero que meu corpo não seja preso, nem ferido, nem morto, nem nas mãos da justiça envolto. Pax tecum, Pax tecum, Pax tecum. Cristo assim disse aos seus discípulos. Se os meus inimigos vierem para me prender, terão olhos e não verão. Terão ouvidos e não me ouvirão. Terão boca e não me falarão. Com as armas de São Jorge serei armado. Com a espada de Abraão serei coberto. Com o leite da Virgem Maria serei borrifado. Na Arca de Noé serei arrecadado. Com as chaves de São Pedro serei fechado, onde não possam ver, nem ferir, nem matar, nem sangue do meu corpo tirar.
Também, vos peço Senhor, por aqueles três cálices bentos, por aqueles três padres revestidos, por aquelas três hóstias consagradas, que consagraste ao terceiro dia,

Relacionados

  • A Literatura de Cordel: Constando as histórias do sertão nordestino
    2267 palavras | 10 páginas
  • Lampiao Rei do Cangaço
    4564 palavras | 19 páginas
  • Personagens O Cabeleira
    3737 palavras | 15 páginas
  • 236625647 TEXTO O AUTO DA COMPADECIDA pdf
    13016 palavras | 53 páginas
  • O casamento da maria feia
    5308 palavras | 22 páginas
  • auto da compadecida / julgamento
    5691 palavras | 23 páginas
  • História do Cinema no Brasil
    2693 palavras | 11 páginas
  • Modernismo no brasil e em portugal
    12192 palavras | 49 páginas
  • Erasmo Xavier e sua arte modernista para a revista Cigarra (natal/RN, 1928-1930)
    19872 palavras | 80 páginas