Cenario europeu no inicio do seculo xx

1607 palavras 7 páginas
UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS
INSTITUTO DE CIENCIAS HUMANAS E LETRAS
DEPARTAMENTO DE ARTES

O CENÁRIO EUROPEU DO INÍCIO DO SÉCULO XX

ELIZABETH LIMA DE QUEIROZ

MANAUS
2012
UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS
INSTITUTO DE CIENCIAS HUMANAS E LETRAS
DEPARTAMENTO DE ARTES

ELIZABETH LIMA DE QUEIROZ

Trabalho de aproveitamento para a disciplina História da Arte no Brasil II, ministrada pelo prof. Msc. Paulo Roberto Simonetti Barbosa, no quinto período de Artes Plásticas na Universidade Federal do Amazonas.

O CENÁRIO EUROPEU DO INÍCIO DO SÉCULO XX

MANAUS
2012
O CENÁRIO EUROPEU DO INÍCIO DO SÉCULO XX

O inicio do século xx na Europa foi marcado por grandes transformações industriais, econômicas e sociais, tais
…exibir mais conteúdo…
Para Cézanne, a pintura não podia desvincular-se da natureza, tampouco copiava a natureza; de fato, a transformava. Os cubistas foram mais longe do que Cézanne, passaram a representar os objetos com todas as suas partes num mesmo plano. É como se eles estivessem abertos e apresentassem todos os seus lados no plano frontal em relação ao espectador.
Os artistas desse movimento valorizavam a geometrização das formas e volumes, renunciavam a perspectiva, entre os principais artistas do Cubismo temos Pablo Picasso que é famoso pela fase azul (1901-1904) em que representou a tristeza e a melancolia dos pobres e a fase rosa (1905-1907), em que pintou acrobatas e arlequins.
O futurismo é outro movimento artístico que surgiu oficialmente em 22 de setembro de 1909 com a publicação do Manifesto Futurista, pelo poeta italiano Filippo Marinetti, no jornal francês Le Figaro. Os adeptos do movimento rejeitavam o moralismo e o passado, e suas obras baseavam-se fortemente na velocidade e nos desenvolvimentos tecnológicos do final do século XIX.
Os artistas futuristas valorizavam o futuro, pois de acordo com MEIRA (2006, P.07),
[...] os futuristas rejeitavam o passado e idolatravam os sinais do futuro: a máquina, a eletricidade, a velocidade e a guerra, que destruiria as velhas instituições. Esses artistas faziam pinturas e esculturas que buscavam

Relacionados

  • o modernismo na segunda metade do seculo xx
    1802 palavras | 8 páginas
  • A moda da primeira metade do século xx
    1705 palavras | 7 páginas
  • Afluxos migratórios no brasil dos seculos xix e xx
    2550 palavras | 11 páginas
  • RESENHA CRITICA Metamorfose do Estado Brasileiro no Final do Século XX
    1019 palavras | 5 páginas
  • Fichamento - A organização do trabalho no século XX (Geraldo Algusto Pinto)
    1271 palavras | 6 páginas
  • Teorias das Notícias – O Estudo do Jornalismo no Século XX
    1537 palavras | 7 páginas
  • Nacionalismo, xenofobia e guerras do século XX
    4076 palavras | 17 páginas
  • As mudanças ocorridas no século xx
    1367 palavras | 6 páginas