Comércio eletrônico b2c

3530 palavras 15 páginas
A logística do comércio eletrônico do B2C (business to consumer)
Antonio Cezar Bornia (PPGEP – UFSC) - cezar@inf.ufsc.br
Cristian Mendes Donadel (TBG) - cdonadel@tbg.com.br
Joisse Antonio Lorandi – (PPGEP – UFSC) - lorandi@cse.ufsc.br
Resumo
O comércio eletrônico tem se caracterizado num importante e crescente segmento de transações de mercadorias através da internet, o que tem tornado o gerenciamento do serviço logístico num diferencial de vantagem competitiva, dando sustentação às atividades realizadas pelas empresas que atuam neste setor. O objetivo deste artigo, é caracterizar o comércio eletrônico e o varejo virtual e, considerando suas particularidades e necessidades, descrever a logística e estratégias utilizadas para
…exibir mais conteúdo…
Alguns dados da sua evolução são apresentados na tabela 1.
ANO FATURAMENTO ANUAL (milhões) VARIAÇÃO
2006 (previsão) R$ 3.900 56%
R$ 2.500 43%
R$ 1.750 48%
R$ 1.180 39%
R$ 850 55%
R$ 549 -
Fonte: http://www.e-commerce.org.br/STATS.htm (2006)
Tabela 1: Faturamento anual no comércio eletrônico no Brasil
Os números no Brasil, ainda são pequenos, se comparados ao mercado americano, onde segundo http://www.e-commerce.org.br/STATS.htm (2006), existem 200 milhões de pessoas conectadas e um faturamento anual de 600 bilhões de dólares, que é o PIB (produto interno bruto) brasileiro comercializado via rede eletrônica. São números que demonstram a perspectiva de crescimento deste segmento e a necessidade de aperfeiçoar as estratégias de atuação no CE. Também é preciso oferecer credibilidade ao canal. A credibilidade virá à medida que a comunicação do valor alcançar o segmento alvo, justificando um diferencial para que o consumidor mude sua cultura, atualmente direcionada ao varejo tradicional, para o canal virtual, representando uma quebra de paradigmas. Isto somente será concretizado se o
CE possibilitar atributos superiores dos serviços. E viabilizar os seguintes aspectos: qualidade e diversidade de produtos, preço competitivo, segurança nas transações via rede, confiabilidade na entrega e logística reversa.
Bayles (2001), lembra que os consumidores virtuais valorizam a comodidade de realizar seus

Relacionados

  • ED TI
    1422 palavras | 6 páginas
  • Logistica no comercio eletronico
    2741 palavras | 11 páginas
  • Trabalho sobre e-commerce
    2156 palavras | 9 páginas
  • E-comerce
    1634 palavras | 7 páginas
  • ED- Estudos Disciplinar
    1793 palavras | 8 páginas
  • E-Commerce & Certificado Digital
    2684 palavras | 11 páginas
  • AV2 FUNDAMENTOS DE SISTEMAS
    1946 palavras | 8 páginas
  • Tecnologia da Informação
    1118 palavras | 5 páginas
  • TRABALHO EM GRUPO: Analisando a possibilidade de mudança na estratégia da WEG S.A em relação ao tipo de negócio ela se enquadra B2B para o B2C.
    1374 palavras | 6 páginas
  • E-business e e-commerce: o que são e como funcionam estes modelos de negócio
    5821 palavras | 24 páginas