Condicionamento e processamento do gas natural

814 palavras 4 páginas
CONDICIONAMENTO E PROCESSAMENTO DO GÁS NATURAL
2.1 – CONDICIONAMENTO DO GÁS NATURAL
O condicionamento do gás visa seu enquadramento às características necessárias ao seu transporte em gasodutos, de forma que possa ser realizado sem prejuízo para as instalações utilizadas nestas operações (tubulações, compressores, etc.). Como comentado anteriormente, o gás natural bruto contém hidrocarbonetos e vapor d’água que podem passar do estado gasoso para o líquido com as variações de temperatura e/ou pressão, mesmo que pequenas; isto provoca o acúmulo destes líquidos em linhas e dutos, o que gera problemas de escoamento, corrosão e até tamponamento pela formação de hidratos. Para evitarmos tais problemas o gás deve ser condicionado para atender as especificações de transporte.
Normalmente o principal parâmetro a ser controlado no condicionamento é o ponto de orvalho (dew point) dos hidrocarbonetos e do vapor d’água. Define-se como ponto de orvalho a temperatura na qual, a uma determinada pressão, começa ocorrer a condensação de líquidos (hidrocarbonetos ou água). O ajuste usual do ponto de orvalho é de 5ºC abaixo da mínima temperatura de operação do gasoduto, na pressão de trabalho, para garantir a não formação de hidrocarbonetos líquidos ou água líquida. No Brasil, para a comercialização do gás, o ponto de orvalho da água é limitado ao máximo de –45ºC a 1 atm, sendo que nas regiões norte e nordeste admitem-se o valor de –39ºC. Em alguns casos deve-se tratar o gás para

Relacionados

  • Separador Trifásico
    3708 palavras | 15 páginas
  • Apostila Curso Processamento Gás natural
    20188 palavras | 81 páginas
  • Petroleo Bruto
    2479 palavras | 10 páginas
  • “Unidades de separação e tratamento de petróleo e gás e novas tendências”
    2908 palavras | 12 páginas
  • Modelagem de Separador Bifásico de Petróleo e Gás
    2901 palavras | 12 páginas
  • processamento primário de petróleo
    4295 palavras | 18 páginas
  • Artigo métodos de prospecção de petróleo e gás.
    2643 palavras | 11 páginas
  • A matriz energética brasileira
    3442 palavras | 14 páginas
  • POTENCIALIDADE ENERGÉTICAS BRASILEIRAS
    3800 palavras | 16 páginas
  • Energias nao renovaveis
    3491 palavras | 14 páginas