Cubismo e futurismo

2370 palavras 10 páginas
Cubismo
Introdução

A primeira exibição cubista teve lugar no Salon des Independents, em Pans, em 1911, mas as suas origens recuam a 1901. Os pioneiros do Cubismo foram Picasso e Braque e, no inicio, este movimento era devedor a Cezanne com a sua utilização de vários pontos de vista numa única pintura. O modo como as cubistas representavam os objetos era considerado como radical. Freqüentemente, a tema era muito convencional e retirado da tradição da natureza morta.

Artista Chave
GEORGES BRAQUE (1882-1963);
PABLO PICASSO (1881-1973);
RAYMOND DUCHAMP-VILLON (1876-1918);
JUAN GRIS (1887-1927);
FERNAND LEGER (1881-1955)

Palavras chave
Volume achatado; perspectiva confusa; colagem; múltiplos pontos de vistas; natureza-morta;
…exibir mais conteúdo…
Artistas principais
GIACOMO BALLA (1871-1958);
CARLO CARRA (1881-1966);
LUIGI RUSSOLO (1885-1947);
GINO SEVERINI (1883-1966)

Palavras chave velocidade; energia; agressão; linhas de força; multidões; urbano; nova tecnologia; progresso; armamento

Definição principal Marinetti articulou a frustração de uma geração que se sentia esmagada sob o peso da tradição da arte ocidental. Os futuristas rejeitaram a arte e a cultura do passado. Eles pretendiam destruir tudo o que fosse velho e venerado, para dar lugar a tudo o que fosse novo e vital. o movimento de um carro, par exemplo, e a experiência da sua aceleração, tinham mais significado para os futuristas que a sua forma ou aparencia quando parado. De igual modo, a multidão era uma força política mais significativa, na opinião dos futuristas, que as instituições do governo. Eles eram grandes adeptos da promoção dos seus trabalhos, pois tudo O que fosse dito nas conferencias com intenção publicitária servia para dar visibilidade ao movimento. Os futuristas usavam muitas vezes cores berrantes, mas nunca desenvolveram uma teoria coerente sobre a cor, que os pudesse distinguir dos outros movimentos artísticos da mesma época. O seu interesse inicial pelo Neo-Impressionismo abriu caminho para um interesse mais duradouro pelo Cubismo. o Futurismo perdeu o seu ímpeto durante a Primeira Guerra Mundial. Uma segunda geração de futuristas, menos subversiva, que emergiu no inicio da década de 1920 susteve o

Relacionados

  • O futurismo
    3834 palavras | 16 páginas
  • O futurismo
    1395 palavras | 6 páginas
  • Artigo sobre Futurismo
    1247 palavras | 5 páginas
  • Futurismo e seus desdobramentos
    1658 palavras | 7 páginas
  • Dadaísmo e cubismo - leitura
    931 palavras | 4 páginas
  • Pablo Picasso - Vida, Cubismo e Obras.
    2164 palavras | 9 páginas
  • Movimentos artísticos: fauvismo, concretismo e cubismo
    1622 palavras | 7 páginas
  • Plano de aula Cubismo
    1928 palavras | 8 páginas
  • Legado gráfico do futurismo
    2632 palavras | 11 páginas