DETRAÇAO

9892 palavras 40 páginas
RESUMO

A monografia ora apresentada trata da análise da aplicação da detração penal nas hipóteses de decretação de medidas cautelares de natureza pessoal alternativas à prisão, aplicadas no curso do inquérito policial ou do processo criminal, incluídas no rol dos artigos 319 e 320 do Código de Processo Penal, pela Lei n. 12.403/2011, já que a mesma lei não trouxe previsão acerca do assunto. Para tanto, foi necessário discorrer sobre as medidas cautelares de natureza pessoal no âmbito processual penal, discorrendo, em um primeiro momento, sobre a impossibilidade de aplicação do poder geral de cautela do juiz na aplicação de medidas cautelares inominadas e, após, comentando sobre as medidas cautelares existentes no Processo Penal. Foi também necessária a compreensão acerca do instituto da detração penal e sua aplicação. Por fim, foi analisada a possibilidade de detração de algumas medidas cautelares alternativas à prisão e a impossibilidade da aplicação do instituo em outras.

Palavras – chave: Detração – Medidas cautelares alternativas à prisão - Lei 12.403/2011 – Poder geral de cautela – Omissão legislativa

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO.............................................................................................................7
1. PODER GERAL DE CAUTELA DO JUIZ................................................................8
1.1 Conceito

Relacionados

  • Unificação e soma de penas
    5233 palavras | 21 páginas
  • Execução penal
    7953 palavras | 32 páginas
  • 40 questões LEP
    4470 palavras | 18 páginas
  • Questões penal
    4707 palavras | 19 páginas
  • Direito penal
    843 palavras | 4 páginas
  • OS ASPECTOS NEGATIVOS DAS MEDIDAS CAUTELARES DIVERSAS DA PRISÃO
    11480 palavras | 46 páginas
  • Exercicio penal
    1560 palavras | 7 páginas