Defesa Getulio Vargas

1469 palavras 6 páginas
Para a defesa de Getúlio Vargas, devemos citar suas criações no plano econômico, a construção de uma Estrutura de Estado (que antes não se via no Brasil), um plano de governo que abrangia toda a nação, a "preocupação" com o operariado e o decreto das leis trabalhistas. O estado getulista pode ser classificado como "Estado Guarda-Chuva", pois (tirando o autoritarismo, que era institucional) ele ampliou as ações do Estado brasileiro para todos os cantos do território, o que não havia acontecido antes. Esse ‘’guarda-chuva’’ é, basicamente, um Estado que abrange tudo e todos. Os intelectuais modernistas que eram, na sua grande maioria, contra Vargas, foram "levados" por ele para o Ministério da Saúde e Educação. Os militares, depois do movimento tenentista que ajudou Vargas a subir no poder, foram prestigiados e detinham grande influência. E assim vai: o clero, o povo, esportistas, médicos, engenheiros, todos eram assistidos e trabalhavam com, para e pelo Estado. Vargas foi responsável por uma integração nacional. "Pai dos pobres", colocou na lei direitos trabalhistas como o salário mínimo. Usou o Estado para criar indústrias e diminuir a importância do setor primário na economia brasileira.

Argumentos para defender Vargas:

- iniciou um forte movimento de oposição ao governo federal, exigindo o fim da corrupção eleitoral, a adoção do voto secreto e do voto feminino.
- Criou o Banco do Estado do Rio Grande do Sul e apoiou a criação da VARIG (Viação Aérea Rio Grandense).

Relacionados

  • Juri simulado. acusação - getúlio
    926 palavras | 4 páginas
  • Era vargas
    5321 palavras | 22 páginas
  • Lista Era Vargas
    7355 palavras | 30 páginas
  • Dominação Carismática - Getúlio Vargas
    1763 palavras | 8 páginas
  • Era Vargas - Estado Novo
    4565 palavras | 19 páginas
  • Era Vargas
    2929 palavras | 12 páginas
  • ERA VARGAS
    1997 palavras | 8 páginas