Definição teórica de radioproteção

2127 palavras 9 páginas
Normas e instituições de controle Procedimentos de proteção radiológica ou de radioproteção têm como objetivo proteger o ser humano dos efeitos nocivos da radiação ionizante para que ele possa usufruir dos benefícios dessa radiação com segurança. Os perigos da radiação são conhecidos praticamente desde que se começou a usá-la na indústria e medicina. Foi a partir da experiência adquirida ao longo desses anos que desenvolveu-se e continua-se a desenvolver as normas que regulamentam o uso das radiações nos diferentes campos. As guerras mundiais contribuíram para o desenvolvimento dos procedimentos de radioproteção, porém a um alto custo humano devido à elevada exposição de alguns grupos à radiação. Durante a Primeira Guerra Mundial, …exibir mais conteúdo…

A ICRP é mantida por um número de organizações internacionais e por muitos governos, seu campo de atuação envolve aspectos de proteção contra radiação ionizante em todas as áreas que utilizam esta radiação, estabelecendo recomendações em proteção radiológica que formam a base para programas e regulamentações mais detalhadas emitidas por outras organizações internacionais e por autoridades regionais e nacionais. A ICRP publicou seu primeiro relatório em 1928. Este primeiro relatório, denominado Publicação 1, continha recomendações que foram adotadas em Setembro de 1958. Recomendações subsequentes foram publicadas em 1964, em 1966 e em 1977. A Publicação 26, de 1977, ampliada em 1978, foi aprimorada nos anos de 1980 e 1987. As recomendações foram completamente revisadas e publicadas em 1991 como Publicação 60. A publicações da ICRP tem como objetivo ajudar tanto os responsáveis pela proteção radiológica quanto os indivíduos, como por exemplo, os radiologistas, na tomada de decisões sobre proteção no uso de radiação ionizante. O estabelecimento de um padrão apropriado de proteção, considerando a melhor relação entre custos e benefícios, não pode ser obtido apenas com base em conceitos científicos, mas deve considerar todos os diferentes tipos de riscos de importância significativa e fazer um balanço entre os riscos e os benefícios

Relacionados

  • Apostila do Curso de Metrologia Química - Teoria
    16539 palavras | 67 páginas