Direito civil sucessões - direito de acrescer e especies de legados

4118 palavras 17 páginas
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS
DIREITO CIVIL VII – DIREITO DAS SUCESSÕES

DIREITO DE ACRESCER E ESPÉCIES DE LEGADOS

Goiânia
2011
DIREITO DE ACRESCER

O direito de acrescer acontece quando, sendo vários os herdeiros ou legatários nomeados pelo testador, ocorre a falta de um deles por morte, renúncia ou incapacidade, fazendo com que seu quinhão acresça aos demais.
Direito de acrescer significa acrescentar, adicionar, incorporar, instituindo a solidariedade entre os herdeiros. Desta forma, ao ocorrer o afastamento de um herdeiro da sucessão, o seu quinhão não pode ficar sem titular, precisando ser transferido a alguém. Assim, sua quota acresce à herança dos demais.
Importante
…exibir mais conteúdo…
Como por ato de vontade se afasta da sucessão, faz com que ocorra o direito de acrescer, e não o direito de representação. Desta forma, seu quinhão hereditário retorna ao acervo hereditário, sendo dividido entre os demais herdeiros, conforme a ordem de vocação hereditária.
A premoriência, a indignidade e a deserdação, em princípio, conferem o direito de representação. Entretanto, quando o herdeiro pré-morto, indigno ou deserdado não tem descendentes, o seu quinhão passa aos demais herdeiros da mesma classe em virtude do direito de acrescer. Do mesmo modo, se a morte ou a exclusão do herdeiro esvazia a classe a que pertence, são convocados os herdeiros da classe subseqüente, no que, mais uma vez, se configura direito de acrescer.

Sucessão testamentária

Ante a possibilidade de um dos herdeiros declinar da liberalidade ou ser excluído, o testador pode indicar substitutos (CC 1.947 a 1.960). Portanto, pode escolher alguém , herdeiro eventual, para receber o quinhão do herdeiro que elegeu em primeiro lugar.
Logo, somente quando não houver a nomeação de substituto é que se pode cogitar o direito de acrescer, pois a substituição prefere ao direito de acrescer.
No caso do testador atribuir o mesmo bem ou uma universalidade de bens a mais de um beneficiário, elegendo mais de um herdeiro ou legatário, significa que quis contemplar mais de uma pessoa. Essa nomeação plural de herdeiros ou legatários dá ensejo à reciprocidade que

Relacionados

  • Direito de acrescer e das substituições
    5079 palavras | 21 páginas
  • Sucessões no direito romano
    5695 palavras | 23 páginas
  • Trabalho sobre legados
    8374 palavras | 34 páginas
  • Dos legados - Civil
    5535 palavras | 23 páginas
  • Direito das sucessões
    2843 palavras | 12 páginas
  • Direito
    7919 palavras | 32 páginas