ECO, Umberto. Idade Média: bárbaros, cristãos e mulçumanos

1181 palavras 5 páginas
ECO, Umberto. Idade Média: bárbaros, cristãos e mulçumanos. Lisboa: Dom Quixote, 2011, pp.90-111.

O objetivo dos textos apresentados, com a direção de Umberto Eco, é mostrar vários aspectos do Império Bizantino em épocas diferentes. Mostrando como foi construído, falando sobre as pessoas que foram importantes para esta construção e sua realizações, seus conflitos, suas batalhas, suas vitórias e derrotas.
JUSTINIANO E A RECONQUISTA DE OCIDENTE. Neste texto de Tullio Spagnuolo Vigorita, o autor fala sobre a vida de Justiniano, que foi um imperador que reinou por 38 anos, e teve como projeto principal de seu reinado, a restauração do Império Romano com a reconquista dos territórios ocidentais. Mas o resultado, do seu projeto principal, mostrou-se de certa forma efêmero, apesar dos numerosos êxitos obtidos, ao custo de um enorme dispêndio de vidas humanas, energias e recursos financeiros. Justiniano após o nascimento, em 1 ou 2 de abril 481 em Tauresium , região onde predomina a fé cristã definida no Concílio de Calcedônia em 451, recebeu o nome de Petrus Sabbatius , sobre seu pais pouco se sabe, mas irmão de sua mãe, foi o responsável por sua inda para Constantinopla. Justino seu tio, mudara-se para Constantinopla durante o reinado de Leão I, e fez uma brilhante carreira militar, com a morte do imperador Anastácio I, Justino que então era comandante da guarda efetiva do palácio, é investido imperador. Justino não tinha filhos, e por chama o sobrinho para morar com

Relacionados

  • Resenha crítica de apocalípticos e integrados de umberto eco
    2267 palavras | 10 páginas
  • Apocalípticos e integrados- cultura de massa e “níveis” de cultura (umberto eco)
    1498 palavras | 7 páginas
  • Resumo umberto eco
    2874 palavras | 12 páginas
  • Qual e a principal caracteristica juridica da idade media?
    1292 palavras | 6 páginas
  • Idade media
    8854 palavras | 36 páginas
  • Turismo na Idade Média
    859 palavras | 4 páginas
  • História da psicologia: Idade Antiga e Média
    1067 palavras | 5 páginas
  • Praças e jardins medievais na idade média
    6798 palavras | 28 páginas
  • Apocalípticos e integrados - umberto eco - resenha
    1896 palavras | 8 páginas