Embriologia

3550 palavras 15 páginas
ROTEIRO PARA A PRÁTICA DE EMBRIOLOGIA GERAL

Do ovócito à formação da blástula

Modelo n.º 1: Exposição do ovócito II pela retirada parcial da zona pelúcida.
Foi retirada a calota da zona pelúcida (em vermelho). No interior observa-se o ovócito II e o primeiro corpúsculo polar (inteiros) resultantes da 1ª divisão da meiose.

Modelo n.º 2: Mostra o modelo 1 em corte longitudinal total.
Externamente: zona pelúcida (em vermelho), ovócito II (citoplasma em rosa e núcleo escuro) e o primeiro corpúsculo polar (citoplasma pequeno em rosa e núcleo escuro).

Modelo n.º 3: Final da 2ª divisão de maturação (após a fecundação). Corte longitudinal total.
Um espermatozóide penetrou no ovócito II que, só então, termina a sua segunda divisão de maturação, e expulsa seu segundo corpúsculo polar (observa-se ao lado deste, o primeiro corpúsculo polar).

Modelo n.º 4: Corte longitudinal do óvulo.
De fora para dentro observa-se: zona pelúcida (em vermelho), espaço perivitelino, primeiro e segundo corpúsculos polares, citoplasma do óvulo contendo: pró-núcleo feminino e pró núcleo masculino. Ocorrendo a fusão do pró núcleo feminino (22 cromossomos, mais X) e masculino (22 cromossomos mais X ou Y) forma-se a célula ovo ou zigoto com 46 cormossomos.

Modelo n.º 5: Segmentação, corte parcial da zona pelúcida.
Mostra dois blastômeros inteiros, de tamanho quase igual, originados da primeira divisão mitótica, juntamente com os dois corpúsculos polares

Relacionados

  • Embriologia
    852 palavras | 4 páginas
  • Embriologia
    1220 palavras | 5 páginas
  • embriologia
    7031 palavras | 29 páginas
  • EMBRIOLOGIA
    2115 palavras | 9 páginas
  • Embriologia
    961 palavras | 4 páginas
  • Embriologia
    2518 palavras | 11 páginas
  • Historia da embriologia
    1041 palavras | 5 páginas
  • Embriologia arcos branquiais
    2754 palavras | 12 páginas
  • Embriologia animal
    2338 palavras | 10 páginas
  • embriologia
    1475 palavras | 6 páginas