Empreendedorismo social no brasil: atual configuração, perspectivas e desafios

901 palavras 4 páginas
ÉRICA PATRICIA LAVANDIER

Curso: Serviço Social

Empreendedorismo Social No Brasil: Atual Configuração,
Perspectivas e Desafios

Mairinque
2011
Empreendedorismo Social No Brasil: Atual Configuração,
Perspectivas e Desafios

Por ser um tema novo e ainda em desenvolvimento foi pouca a bibliografia encontrada sobre o tema, também se da pelo fato de no Brasil as fontes para esse embasamento teórico serem muitas das vezes de origem estrangeira. Luther King, Gandhi foram apontados por alguns especialistas como empreendedores sociais por suas capacidades de lideranças e inovações frente às mudanças em grande escala. O interesse pelo empreendedorismo ocorre em um período de transição global no qual encontramos
…exibir mais conteúdo…

Tem capacidade para transformar ideias já existentes, utilizam a criatividade para aperfeiçoar ou reinventar processos. É um processo criativo e contínuo de explorar, aprender e melhorar. No empreendedorismo social, a economia está a serviço da comunidade; o foco do empreendedor social não está no registro de marcas e patentes, mas na divulgação e multiplicação de suas idéias, razão do impacto nacional de projetos tais como: soro caseiro, bolsa-escola, médicos de família, universidade solidária e tantos outros. Atualmente, o empreendedorismo social é um fenômeno mundial, sendo o empreendedor social visto como o responsável na busca de soluções para os mais variados problemas sociais, apresentando-se como um agente ativo e transformador dos valores da sociedade. O empreendedorismo social não se constitui de um “passe de mágicas”, mas de uma ação que requer, acima de tudo, a capacidade coordenada das pessoas, mesmo que isso se inicie, primeiramente, por uma pessoa. Existem desafios e possibilidades nessa perspectiva do empreendedorismo. Quanto aos desafios, podemos citar como exemplo como criar capital que é base para elaboração e sucesso das ações do empreendedor social, e também o empoderamento dos sujeitos do processo, ou seja, quebrar o discurso do “só tenho direito e não tenho nada de deveres” e fazer com que as pessoas, principalmente às excluídas e marginalizadas, tenham uma postura de cidadãs e não

Relacionados

  • Portfólio gestão hospitalar
    2725 palavras | 11 páginas
  • O empreendedor artesão
    17294 palavras | 70 páginas
  • PLANO PLURIANUAL PARA O MUNICÍPIO
    2111 palavras | 9 páginas
  • apostila cultura e sociedade
    9489 palavras | 38 páginas
  • Economia solidária
    6232 palavras | 25 páginas
  • Análise de Empreendedorismo da Sadia
    4451 palavras | 18 páginas
  • Análise do programa de treinamento e desenvolvimento da lojas renner.
    9595 palavras | 39 páginas
  • A quarta revolução industrial
    4859 palavras | 20 páginas
  • evolução do pensamento administrativo
    13203 palavras | 53 páginas
  • O trabalho como ação para a vida e não apenas como necessidade de emprego e renda.
    16863 palavras | 68 páginas