Eugenia no brasil e no mundo

2108 palavras 9 páginas
A Eugenia no Mundo e no Brasil

Este trabalho faz parte da Avaliação da disciplina de sociologia do 1º Bimestre, apresentado á professora Valquiria.

Nome:

Série:

São Bernardo do Campo, 2 de abril de 2013

Introdução A eugenia é a filha dileta de Darwin: se as espécies se transformam por "seleção natural", há raças inferiores e raças superiores.
Darwin declarava: "Entre os selvagens, os corpos ou as mentes doentes são rapidamente eliminados, os homens civilizados, entretanto, constroem asilos para os imbecis, os incapacitados e os doentes e nossos médicos põem o melhor de seu talento em conservar a vida de todos e cada um até o último momento, permitindo assim que se propaguem os membros fracos das nossas sociedades
…exibir mais conteúdo…
Foi nos Estados Unidos e na Alemanha que as palestras e conferências de divulgação realizadas por Galton tiveram maior repercussão e os princípios da nova ciência começaram a ser colocados em prática. Hoje, quando pensamos em eugenia, é inevitável a associação imediata à Alemanha nazista, mas foram os Estados Unidos que implementaram o mais bem-sucedido e organizado plano de eugenização social da história, que segue ativo até os nossos dias.
Entre o ano de 1905 e a década de 20, instituições eugênicas proliferaram por todo o território americano. A principal delas, o Eugenics Record Office (ERO), foi dirigida pelo geneticista Charles Davenport, o maior representante da eugenia americana. A primeira lei de esterilização americana foi aprovada em 1907, no estado de Indiana, e estima-se que mais de 50 mil pessoas tenham sido esterilizadas entre 1907 e 1949 em todo o país, considerando que a última lei do gênero foi revogada somente na década de 70.
Ao contrário dos Estados Unidos, a eugenia na Alemanha teve vida mais curta, ainda que mais intensa. Apesar de normalmente associada à ascensão de Hitler ao poder em 1933, não é verdadeiro dizer que na Alemanha a doutrina esteve exclusivamente associada à ideologia nazista. Acredita-se que, mesmo sem o Führer, as leis de esterilização teriam sido implantadas no país. Aliás, a lei de 1933 que

Relacionados

  • jeca tatu e a historia
    10598 palavras | 43 páginas
  • Resenha do livro “A hora da eugenia: raça, gênero e nação na América Latina”
    2954 palavras | 12 páginas
  • O jogo como instrumento pedagógico
    4170 palavras | 17 páginas
  • Eutanasia
    4349 palavras | 18 páginas
  • Domesticação das espécies frutíferas cultivadas
    4763 palavras | 20 páginas
  • Antologia poetica- amor correspondido, mulher, juventude
    1713 palavras | 7 páginas
  • Colisor de Hádrons
    1070 palavras | 5 páginas
  • Análise do Cortiço e Memória Póstumas de Brás Cubas
    6185 palavras | 25 páginas
  • O neonazismo no brasil
    1553 palavras | 7 páginas
  • Resenha livro a moda erika palomino
    644 palavras | 3 páginas