Expansão maritima

1122 palavras 5 páginas
1. INTRODUÇÃO

A saída para a crise do feudalismo foi à ampliação do comercio para tal ocorreu a aliança do rei com a burguesia, ambos objetivaram a criação do estado nacional que com o fortalecimento do poder central, seria possível a ampliação de mercados comerciais.

2. EXPANSÃO MARÍTIMA EUROPÉIA

A expansão marítima européia, processo histórico ocorrido entre os séculos XV e XVII, contribuiu para que a Europa superasse a crise dos séculos XIV e XV. Através das Grandes Navegações há uma expansão das atividades comerciais, contribuindo para o processo de acumulação de capitais na Europa. O contato comercial entre todas as partes do mundo (Europa, Ásia, África e América) torna possível uma história em escala mundial, favorecendo uma ampliação dos conhecimentos geográficos e o contato entre culturas diferentes.

2.1 FATORES PARA A EXPANSÃO MARÍTIMA

A expansão marítima teve um nítido caráter comercial, daí definir este processo como uma empresa comercial de navegação, ou como grandes empreendimentos marítimos. Para o sucesso desta atividade comercial o fator essencial foi à formação do Estado Nacional. Formação do Estado Nacional e a centralização política as Grandes Navegações só foram possíveis com a centralização do poder político, pois se fazia necessário uma complexa estrutura material de navios, armas, homens, recursos financeiros. A aliança rei-burguesia

Relacionados

  • expansão europeia
    978 palavras | 4 páginas
  • Barramentos de Expansão
    1879 palavras | 8 páginas
  • expansao urbana
    1231 palavras | 5 páginas
  • Expansão Marítima
    4480 palavras | 18 páginas
  • logistica maritima
    1133 palavras | 5 páginas
  • A expansão da revolução industrial
    1130 palavras | 5 páginas
  • Igreja militante e Expansão Iberica
    1434 palavras | 6 páginas
  • Correntes maritimas
    3702 palavras | 15 páginas
  • expansão territorial
    5874 palavras | 24 páginas